Mateus 12, 14-21 Ele não quebrará um caniço machucado até que leve a justiça à vitória

164

PRECISO MUITO TE AJUDA !
Divida desse mês é de R$ 514,00 (referente a mensalidade do servidor do site) Data para acertar o pagamento: 17/06
Valor arrecadado: R$ 104,89
FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR
PIX CHAVE EMAIL: doacao@catequizar.com.br
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

“Ele não quebrará um caniço machucado até que leve a justiça à vitória”

Escritura:  Mateus 12: 14-2114 Os fariseus, porém, saíram e aconselharam-no contra ele, a fim de destruí-lo. 15 Jesus, sabendo disso, retirou-se dali. E muitos o seguiram, e ele curou a todos, 16 e ordenou que não o tornassem conhecido. 17 Isto foi para cumprir o que foi dito pelo profeta Isaías: 18 “Eis aqui meu servo, a quem escolhi, meu amado, de quem a minha alma se compraz. Porei o meu Espírito sobre ele, e ele proclamará justiça aos gentios .19 Ele não contenderá, nem clamará em voz alta, nem ninguém ouvirá sua voz nas ruas; 20 ele não quebrará uma cana rachada, nem apagará um pavio fumegante, até que leve a justiça à vitória; 21 e em seu nome os gentios farão esperança.

Meditação:Na vida de todas as pessoas, existem momentos-chave ou pontos de inflexão sobre os quais toda a vida depende. O crescente confronto entre os fariseus e Jesus foi um evento e uma crise tão decisivos. Os líderes religiosos tornaram-se intolerantes por causa de seu preconceito.

 Nada que Jesus fizesse ou dissesse desse ponto em diante estaria certo aos olhos deles. Eles conspiraram, não apenas para se opor a Jesus, mas para eliminá-lo. Jesus enfrentou esse desafio com coragem e determinação. Ele usou a crise para ensinar aos seus discípulos uma lição importante para o caminho do reino para o sucesso e a vitória.

 A única maneira de se gloriar no reino de Deus é por meio da cruz. Jesus citou as profecias do “Servo Sofredor” de Isaías para explicar como ele cumpriria sua missão, não por meio do poder esmagador, mas por meio do serviço sacrificial. No lugar de um trono, ele subiria na cruz e usaria uma coroa de espinhos. Não há maior prova do amor de Deus por nós. Jesus morreu não apenas pelos judeus, mas também pelos gentios. Isaías profetizou séculos antes, que o Messias traria justiça aos gentios. Para a mente grega, justiça envolvia dar a Deus e aos homens o que é devido. 

Jesus ensinou seus discípulos como se comportar com Deus e com os outros. Jesus traz justiça temperada com amor divino. Ele não machuca os fracos nem os trata com desprezo, mas mostra compreensão. Ele não desencoraja os fracos, mas dá encorajamento e esperança. Não importa o quão desesperançado ou fraco alguém possa estar, o Senhor Jesus está sempre pronto para trazer seu amor curador, esperança e encorajamento. Você espera em Deus e confia em sua misericórdia e justiça?

 “Senhor, fortalece-me no teu amor e na tua esperança. Faça-me um instrumento da tua esperança para que eu possa encorajar aqueles que não têm esperança.”