Dom Paulo

Dom Paulo Mendes Peixoto
Arcebispo de Uberaba

Pensar a globalização

Pensar a globalização

Todos os seres humanos são iguais e não podem viver numa atitude de mundo fechado, o que impede a construção do bem comum e o respeito com o próximo
mundo aberto, criança egoista

Mundo aberto

O egoísmo pode criar isolamento e transformar a pessoa numa verdadeira ilha, fazendo a morte prevalecer.

Humanidade ferida

Não podemos ser cristão dentro do templo e sem ação diante dos problemas que estão no mundo, precisamos transformar a fé em obras
destruir a natureza queimadas

Mundo fechado

Sem a prática do bem comum, uns poucos acabam destruindo a maioria. É jogo de interesses onde vencer se torna sinônimo de destruir.
O amor é a plenitude da lei

O amor é a plenitude da lei

O amor autêntico é uma das fontes primeiras de felicidade. As Indiferenças e vinganças são situações inaceitáveis dentro de uma comunidade cristã.