Paulo não caiu do cavalo a caminho de Damasco

Paulo a caminho de Damasco caiu do cavalo

Encontrar São Paulo (ou melhor, Saulo ) caindo de seu cavalo no Livro de Atos enquanto a caminho de Damasco é uma tarefa impossível . Isso não quer dizer, entretanto, que Caravaggio (e outros grandes mestres que pintaram a passagem popularmente conhecida como Conversão de Paulo ) tenham entendido errado. Embora não haja menção de Paulo montando qualquer animal durante sua viagem para a Síria, os textos bíblicos também não dizem que ele estava viajando a pé. Simplesmente não é declarado explicitamente.

O fato de que algo não está explicitamente declarado nas Escrituras não significa, entretanto, que não tenha acontecido. Por exemplo, não há uma única palavra atribuída a São José em qualquer um dos quatro Evangelhos. Mas este silêncio não pode ser interpretado como significando que ele estava mudo, ou que ele manteve um voto de silêncio. Também não encontramos a Sagrada Família compartilhando uma refeição, mas isso não fornece nenhuma base para supor que eles nunca comeram juntos. Não encontramos nenhuma menção a Jesus, quando criança, brincando com seus amigos, mas isso não significa que ele tenha ficado em casa o dia todo ajudando José ou Maria em seus respectivos afazeres.

Agora, uma passagem no livro de Atos (Atos 22, 6-7) pode sugerir que Paulo realmente caiu de alguma coisa, embora não necessariamente. Sim, é comumente assumido que Rabi Saul caiu de seu cavalo na estrada para Damasco – uma suposição reforçada continuamente por várias representações artísticas da passagem. E ainda assim, a passagem simplesmente apresenta Paulo dizendo “Eu caí por terra” ( epesa te eis to edaphos ). Em nenhum lugar do texto encontramos cavalos, burros ou qualquer outro meio de transporte. A passagem pode apenas sugerir que Paulo se ajoelhou

Na verdade, as três passagens diferentes que se referem à conversão miraculosa de Saulo (Atos 9,3-4; 22, 6-7, 26, 12-14) coincidem em dizer que, ao ver a luz do céu , ele caiu por terra . Essa luz é da maior importância, e há uma razão pela qual Lucas a menciona em dois dos três relatos da conversão de Saul. As passagens dizem:

Ao fazer minha jornada e me aproximar de Damasco, por volta do meio-dia uma grande luz do céu brilhou repentinamente sobre mim. E caí por terra e ouvi uma voz que me dizia: ‘Saulo, Saulo, por que me persegues?’

Assim, viajei para Damasco com a autoridade e comissão dos principais sacerdotes. Ao meio-dia, ó rei, eu vi no caminho uma luz do céu, mais brilhante do que o sol, brilhando ao meu redor e aqueles que viajaram comigo. E quando todos caímos no chão, ouvi uma voz que me dizia em hebraico: ‘Saulo, Saulo, por que me persegues?’Atos 26, 12-14

Ambas as passagens mencionam a hora exata do dia em que a luz celestial que causou a queda de Saul apareceu: era “por volta do meio-dia”. Esta informação aparentemente irrelevante é bastante importante. Tradicionalmente, alguns comentaristas argumentam que Paulo (ou melhor, Lucas, seu escriba) sentiu a necessidade de mencionar que o evento aconteceu ao meio-dia para que o público soubesse que não houve uma diminuição na visibilidade devido à escuridão. Como era dia claro, ele sabia o que estava acontecendo. Mas outros comentaristas dão uma explicação diferente.

Alguns estudiosos afirmam que Saul provavelmente não estava cavalgando porque o meio-dia era um horário estabelecido para a oração. Na verdade, os fariseus oravam três vezes ao dia, seguindo o (suposto) costume de Davi , conforme se lê no Salmo 55 (“Mas invoco a Deus, e o Senhor me salvará. Noite e manhã e ao meio-dia .” (Cf Salmo 55, 16-17)

Homens piedosos recitariam as orações normal e tradicionalmente em pé, voltados para Jerusalém (Cf. Dan. 6, 10-11). É então plausível que Saulo, sendo um fariseu zeloso e piedoso, parou para observar a oração do meio-dia enquanto estava a caminho de Damasco. Ou seja, ele poderia estar de pé e virado para o sul, em direção a Jerusalém, quando foi cegado por aquela luz celestial e caiu no chão.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !