Missa da Aurora de Natal

Preparemos os caminhos do Senhor, natal

Alegremo-nos com a notícia que recebemos: Jesus nasceu para nos salvar. Vamos a Belém ver o Rei do Mundo. Cantemos, com grande exultação: “Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade!”. Eu, de coração aberto, acrescentaria: Paz na terra aos homens que agem com retidão! Precisamos de muita retidão num mundo desorientado como o que estamos vivendo!

A Missa da Aurora é sempre celebrada na madrugada do dia de Natal em perfeita sintonia com a missa da Vigília e a missa da Noite de Natal. Quem participa desta missa não está desobrigado do preceito da participação da missa do  Dia do Natal.

A Primeira Leitura – Is 62,11-12 – nos fala que está chegando o teu Salvador. O profeta Isaías anuncia a alegria de um povo resgatado pelo Senhor. Esta beleza ressoa em nossos ouvidos e, também, nós podemos nos contar entre aqueles aos quais chega à salvação. É por isso que não podemos nos considerar abandonados, mas enriquecidos e reanimados pela graça do Senhor.

O Salmista, de modo belo e sábio, nos recorda ao cantar: “Uma luz já se levanta para os justos, e a alegria, para os retos corações!” (Sl 96,11).

A Segunda Leitura – Tt3,4-7 – Ele salvou-nos por sua misericórdia. O amor de Deus, por Jesus, na ação do Espírito Santo aos homens é vivido na compaixão e na misericórdia, quando renascemos e fomos renovamos no batismo pelo Espírito Santo, que ele derramou abundantemente sobre nós por meio de nosso Salvador Jesus Cristo.

No Evangelho – Lc 2,15-20 – deparamo-nos com os pastores que encontraram Maria e José e o recém-nascido. Os primeiros que foram adorar o Senhor foram os pastores que eram excluídos da sociedades.  Nesta hora santa nos colocamos na estrada com os pastores indo a Belém para ver o que o Senhor nos preparou.

Vamos com os corações cheios de alegria, repletos de expectativa para testemunhar coisas que  nunca nos foram contadas e que nenhum olho jamais viu ou nenhum ouvido jamais escutou. Ouviremos e meditaremos em nosso coração, como Maria fazia em seu silêncio; ouviremos e contaremos, levando ao mundo inteiro uma notícia de paz, porque Deus quis vir morar em nosso meio, nascendo em uma frágil manjedoura, ali pertinho, em Belém.

“E o verbo se fez carne e habitou entre nós!”(Jo 1,14). Revigorando alegrias, renascendo saudades, desculpando-se das omissões, fazendo propósitos de novas realizações, repletos de esperança pelo nascimento do Menino Deus desejo-lhe um Santo e abençoado Natal. Jesus é a luz do mundo que nesta aurora ilumina a humanidade para construir a paz! Santo Natal!

+ Eurico dos Santos Veloso

Arcebispo Emérito de Juiz de Fora, MG

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !