Ser Real, Ser Honesto, Ser Sincero

860
Ser Real, Ser Honesto, Ser Sincero

Sexta-feira da primeira semana da Quaresma

“Eu vos digo que, se a vossa justiça não exceder em muito a dos escribas e fariseus, não entrarás no reino dos céus.” Mateus 5,20

Quem quer entrar no Reino do Céu? Certamente todos nós fazemos! Esse deve ser o nosso principal objetivo na vida. E, junto com esse objetivo, devemos procurar trazer o maior número possível de pessoas conosco.

Demasiadas vezes deixamos de ver isso como um objetivo final na vida. Nós falhamos em manter nossos olhos no céu como a principal razão pela qual estamos aqui na Terra. É muito fácil ser pego nas satisfações do dia-a-dia daquilo que podemos chamar de “mini metas” da vida. Esses são objetivos como entretenimento, dinheiro, sucesso e afins. E muitas vezes podemos fazer desses mini-objetivos nossas únicas metas às vezes.

Então e você? Qual é o teu objetivo? O que é que você se esforça e busca ao longo do seu dia? Se você examinou honestamente suas ações ao longo de cada dia, pode se surpreender que, na verdade, está buscando metas mínimas e sem importância, mais do que imagina.

Jesus nos dá um pouco de direção clara nesta passagem acima sobre como alcançar esse objetivo final da vida – o Reino dos Céus. O caminho para o qual Ele aponta é a justiça.

O que é justiça? É simplesmente ser real. Ser autêntico. Não é falso. E mais especialmente, é ser real em nosso amor a Deus. Os fariseus lutavam para fingir que eram santos e bons seguidores da vontade de Deus. Mas eles não eram muito bons nisso. Eles podem ter sido bons no trabalho de atuação e podem ter se convencido e a outros, mas não podiam enganar a Jesus. Jesus podia ver através do verniz falso e perceber o que estava embaixo. Ele podia ver que sua “justiça” era apenas um espetáculo para si e para os outros.

Reflita, hoje, sobre sua própria justiça – sua honestidade e sinceridade em lutar pela santidade. Se você quiser manter diariamente o Céu como seu objetivo final, então você também deve se esforçar para fazer de cada mini-meta diária uma tentativa honesta de santidade. Precisamos diariamente buscar a Cristo com toda a sinceridade e verdade em todas as pequenas coisas da vida. Devemos então deixar essa sinceridade brilhar, mostrando o que realmente está por baixo. Ser justo, no sentido mais verdadeiro, significa que sinceramente buscamos a Deus durante todo o dia e fazemos dessa sinceridade a meta constante de nossa vida.

Senhor, me faça justo. Por favor, ajude-me a ser sincero em tudo que faço e em tudo que busco na vida. Ajuda-me a amar-te e a amar-te a cada momento do dia. Jesus eu confio em vós.