São Lucas Evangelista, patrono dos médicos

São Lucas evangelista e patrono dos médicos
aqui

São Lucas, segundo a tradição, nasceu na Antioquia, da Síria. Era culto e médico. Tornou-se discípulo de São Paulo, convertendo-se ao cristianismo. Enriqueceu a Igreja de Cristo com um Evangelho (o de Lucas), e com o Atos dos Apóstolos, nascimento, crescimento e maturidade da Igreja, acentuando bastante a dimensão missionária da mesma.

Sem os escritos de São Lucas, não conheceríamos o fenômeno de crescimento da Igreja no Império Romano. Após seu encontro com Paulo, tornou-se um intrépido missionário, selando sua bibliografia com o martírio por Cristo.

Aprofundando no estudo de São Lucas, constatamos um pouco de sua psicologia, seu humanismo e sensibilidade cristã. No seu Evangelho, nos deixou a encantadora cena do encontro da Virgem Maria com Santa Isabel, precedida da belíssima cena da anunciação do anjo São Gabriel.

Ele, também, sublinha o espírito de oração de Jesus e seu amor pelos pobres, doentes e marginalizados. Basta ler as quatro bem aventurança e as quatro mal aventuranças de seu Evangelho.

Não podemos, também, esquecer as comoventes narrações da conversão de Zaqueu, da mulher pecadora, do ladrão crucificado ao lado de Cristo, e a história do filho pródigo (melhor seria chamá-la de história do Pai Amoroso). Ele, também, acentua muito bem o espírito orante de Cristo.

São Lucas é, também, o patrono dos médicos. Logo, assim sendo, parabenizamos a todos os médicos(as) da nossa querida pátria, mormente, porém, os da Pró Saúde. Parabéns. A vida é dom de Deus, bem da pessoa humana. E protegida (as vezes, até salva) pela incansável ação dos médicos e das médicas.

+DOM CARMO JOÃO RHODEN, SCJ.

Bispo Emérito de Taubaté-SP