O dia de Natal

“E a Palavra se fez carne e habitou entre nós. E nós contemplamos a sua glória, glória que recebe do Pai como Filho unigênito, cheio de graça e de verdade” (cf. Jo 1,14)

A alegria que vem do Natal

Neste dia tão esperado, celebramos Solenemente o Natal de Nosso Senhor Jesus Cristo. O Emanuel – Deus conosco – “se fez carne e habitou entre nós”. O Messias veio ao mundo edificar o plano da Salvação a todos que esperam em Deus e aguarda, fielmente, o encontro definitivo com o Altíssimo.   

A Primeira Leitura retirada do Livro do Profeta Isaías (Is 52,7-10), o autor sagrado anuncia a chegada de Deus no meio do seu Povo Eleito. Onde que aquele que vem anunciar as Palavras de Vida Eterna, pregará a paz e a salvação a todos. Portanto, “alegrai-vos e exultai ao mesmo tempo, ó ruínas de Jerusalém, o Senhor consolou seu povo e resgatou Jerusalém” (cf. Is 52,9).

O Evangelho de João (Jo 1,1-18), traz a origem e essência do Plano de Salvação, onde a Palavra de Deus, que era Deus, brilha sobre as trevas e torna-se a Luz de toda a humanidade. A Palavra de Deus, que é o próprio Jesus Cristo, vem ao mundo para guiar-nos para o encontro d’Aquele que nunca vimos, mas nos deu a graça de conhecer o Seu Filho Amado. “E nós contemplamos a sua glória, glória que recebe do Pai como Filho unigênito, cheio de graça e de verdade. (…) De sua plenitude todos nós recebemos graça por graça. Pois por meio de Moisés foi dada a Lei, mas a graça e a verdade nos chegaram através de Jesus Cristo” (cf. Jo 1,14b.16-17)

A Segunda Leitura extraída da Carta aos Hebreus (Hb 1,1-6), o autor sagrado reafirma sobre o Plano de Salvação que foi prometido a todos, que Jesus Cristo retoma e constitui a etapa final para que todos alcance este plano de amor. Afinal, foi através da Proclamação da Palavra de Jesus e da sua entrega total em expiação de nossos pecados, o cumprimento da Mandamento do Amor foi concretizado, pois “tendo feito a purificação dos pecados, ele sentou-se à direita da majestade divina, nas alturas. Ele foi colocado tanto acima dos anjos quanto o nome que ele herdou supera o nome deles” (cf. Hb 1,3b-4).

Por fim, louvemos e adoremos com todo amor e júbilo a Salvação que nos foi dada do alto através de Jesus Cristo, O Verbo Encarnado. Portanto, “os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, alegrai-vos e exultai!” (cf. Sl 97)

Feliz Natal! Saudações em Cristo!

+ Eurico dos Santos Veloso

Arcebispo Emérito de Juiz de Fora, MG

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !