Natal

Natal, natividade, é origem, nascimento.

Natal, natividade, é origem, nascimento. É a festa da gênese continuada e potente, que oferece suas surpresas e maravilhas para a nossa história. O Espírito continua nos guiando e nos faz entrar no mistério de todo nascimento, de cada Natal.

Para celebrar o dia do nascimento de Jesus, a Igreja recorre a alguns dos seus textos mais sublimes e difíceis de interpretar: o prólogo do Evangelho de João e da Carta aos Hebreus. É provável que não poucas pessoas sintam a falta da proclamação dos evangelhos que relatam de maneira popular o nascimento de Jesus.

Com isso, indica-se que a festa celebrada não é folclore religioso, nem evocação do menino interior que todos trazemos dentro de nós. É a festa da mais séria opção de Deus, nosso Criador e Pai: a de enviar ao mundo para nós seu Filho único e encarná-lo em nossa mesma essência humana.

O Evangelho desta liturgia não anuncia que Jesus “nasceu em um presépio”, mas que “a Palavra se fez carne e habitou entre nós.” Antes de ser Jesus, é Palavra de Deus. Misteriosa expressão para falar do Filho eterno de Deus, da manifestação do seu próprio ser, dessa misteriosa dualidade que é o Filho em relação ao Abbá.

A Palavra de Deus é vida. Nela está a vida. Quando pronunciada, essa Palavra cria.

A Palavra de Deus é luz. Quando essa Palavra é pronunciada, tudo se ilumina e as trevas desaparecem.

A Palavra se fez carne. Jesus é a Palavra de Deus feita carne. Com Jesus, chega a revelação total de Deus, a luz de Deus, a beleza de Deus.

Este é o nascimento que no dia 25 de dezembro celebramos! Este é o anúncio mais importante a toda a humanidade.

A concretização do Filho de Deus em um homem de nossa história é a maior surpresa que poderíamos esperar. De Jesus, diz o autor da Carta aos Hebreus, que é “o reflexo da beleza de Deus, a marca de seu ser, o que sustenta o universo com sua palavra poderosa”.

A liturgia recorre uma vez mais ao profeta Isaías e fala do mensageiro das boas notícias. O profeta anuncia a chegada de nosso Deus e de seu Reino. Vê-lo caminhar sobre os montes de pés descalços para transmitir a notícia é um espetáculo de enorme beleza.

Desde que ressoa sua voz, muitos se tornam eco da Boa Notícia. Existe alegria, contentamento, esperança. Chegou o momento prometido por Deus. Vivamos intensamente o Natal da ternura e da paz!

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !