Oração diária, Tudo é possível para quem crê - Mc 9,14-29

7ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

24 de fevereiro de 2020

Deseja ler a liturgia diária do dia 23 de fevereiro Clique aqui

ORAÇÃO DO DIA

Pai, reforça minha fé, de modo a me predispor a ser beneficiado por teu filho Jesus, por meio do qual tua misericórdia chega até a mim.

PRIMEIRA LEITURA: Tg 3,13-18

Leitura da Carta de São Tiago

Caríssimos, 13quem dentre vós é sábio e inteligente? Que ele mostre, por seu reto modo de proceder, a sua prática em sábia mansidão. 14Mas se fomentais, no coração, amargo ciúme e rivalidade, não vos glorieis nem procedais em contradição com a verdade. 15Essa não é a sabedoria que vem do alto. Ao contrário, é terrena, materialista, diabólica! 16Onde há inveja e rivalidade, aí estão as desordens e toda espécie de obras más. 17Por outra parte, a sabedoria que vem do alto é, antes de tudo, pura, depois pacífica, modesta, conciliadora, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade e sem fingimento. 18O fruto da justiça é semeado na paz, para aqueles que promovem a paz.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 19

        — Os ensinos do Senhor são sempre retos, alegria ao coração!
— Os ensinos do Senhor são sempre retos, alegria ao coração!

— A lei do Senhor Deus é perfeita, conforto para a alma! O testemunho do Senhor é fiel, sabedoria dos humildes.

— Os preceitos do Senhor são precisos, alegria ao coração. O mandamento do Senhor é brilhante, para os olhos é uma luz.

— É puro o temor do Senhor, imutável para sempre. Os julgamentos do Senhor são corretos e justos igualmente.

— Que vos agrade o cantar dos meus lábios e a voz da minha alma; que ela chegue até vós, ó Senhor, meu Rochedo e Redentor!

EVANGELHO: Mc 9,14-29

– O Senhor esteja convosco.
           – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Marcos.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 14descendo Jesus do monte com Pedro, Tiago e João e chegando perto dos outros discípulos, viram que estavam rodeados por uma grande multidão. Alguns mestres da Lei estavam discutindo com eles.
15Logo que a multidão viu Jesus, ficou surpresa e correu para saudá-lo. 16Jesus perguntou aos discípulos: “Que discutis com eles?” 17Alguém na multidão respondeu: “Mestre, eu trouxe a ti meu filho que tem um espírito mudo. 18Cada vez que o espírito o ataca, joga-o no chão e ele começa a espumar, range os dentes e fica completamente rijo. Eu pedi aos teus discípulos para expulsarem o espírito, mas eles não conseguiram”.
19Jesus disse: Ó geração incrédula! Até quando estarei convosco? Até quando terei de suportar-vos? Trazei aqui o menino”. 20E levaram-no o menino. Quando o espírito viu Jesus, sacudiu violentamente o menino, que caiu no chão e começou a rolar e a espumar pela boca.
21Jesus perguntou ao pai: “Desde quando ele está assim?” O pai respondeu: “Desde criança. 22E muitas vezes, o espírito já o lançou no fogo e na água para matá-lo. Se podes fazer alguma coisa, tem piedade de nós e ajuda-nos”.
23Jesus disse: “Se podes!… Tudo é possível para quem tem fé”. 24O pai do menino disse em alta voz: “Eu tenho fé, mas ajuda a minha falta de fé”. 25Jesus viu que a multidão acorria para junto dele. Então ordenou ao espírito impuro: “Espírito mudo e surdo, eu te ordeno que saias do menino e nunca mais entres nele”.
26O espírito sacudiu o menino com violência, deu um grito e saiu. O menino ficou como morto, e por isso todos diziam: “Ele morreu!” 27Mas Jesus pegou a mão do menino, levantou-o e o menino ficou de pé.
28Depois que Jesus entrou em casa, os discípulos lhe perguntaram a sós: “Por que nós não conseguimos expulsar o espírito?” 29Jesus respondeu: “Essa espécie de demônios não pode ser expulsa de nenhum modo, a não ser pela oração”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Não podemos eliminar o mal se estamos de acordo com o Maligno. Só quem está unido a Jesus na oração pode enfrentar o poder demoníaco. É preciso manter viva a fé. O pai do menino tinha fé e ao mesmo tempo não tinha!

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
O Evangelho de hoje mostra-nos um pai preocupado com a situação de seu filho, e Jesus intervém com seu poder e misericórdia.
Uno-me à multidão, e aos discípulos, que seguem Jesus e aproximo-me com fé para orar e meditar sobre os ensinamentos do Mestre. Peço a luz e a sabedoria de Deus
Oro: Espírito Santo de Luz, concedei-me o dom da sabedoria. Que eu tenha o discernimento necessário para distinguir o mal do bem, a mentira da verdade, a guerra da paz. Que tua santa sabedoria ilumine os espaços confusos de minha alma, fortifique minha fé e minha confiança em teu poder e compaixão.

Leitura (Verdade)
Releio o Evangelho e observo atentamente os personagens, os interesses de cada um e como Jesus age diante das forças do mal.
“O aprendizado dos discípulos é lento. Sua fé é muito frágil e termina quando chega alguma dificuldade. Sem fé, os discípulos nada têm a oferecer. A ausência de fé gera uma Igreja anêmica, uma Igreja de portas fechadas. Sem fé, a Igreja se torna uma instituição humana, unicamente capaz de fazer propaganda do Mestre. Sem fé, a barca de Pedro balança nas tempestades. A fé é uma força dinâmica capaz de superar todas as dificuldades. Ela nunca chega à plenitude: vai crescendo ao longo da vida. A fé é um dom de Deus, ele a concede a todos, mas precisamos acolhê-la, mesmo nas horas de dificuldade. É de noite que é mais agradável crer na luz. Crer é apostar todas as fichas em Cristo e no Reino por ele anunciado.” (Viver a Palavra- 2020 – Frei Aldo Colombo- Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
Qual minha atitude diante das dificuldades? A quem apelo quando me sinto impotente na presença do mal? Minha fé é criativa e operante? Como está meu aprendizado na fé e na confiança com o Mestre?

Oração (Vida)
Talvez Deus não atenda todos os pedidos, mas não deixará faltar o necessário para que encontremos o caminho do bem e da felicidade. Com esta confiança abro meu coração na presença divina e entrego-lhe todas as preocupações e angústias deste dia, minhas e dos que me são caros.
Rezo para termos força diante das tentações e das armadilhas do maligno.

Contemplação (Vida e Missão)
Vendo a fé de um pai que traz aos pés de Jesus seu filho para ser curado e contemplando o poder de Jesus quero, durante este dia, suplicar repetidas vezes e com todo meu ser: “Eu creio, Senhor, mas aumenta a minha fé!”

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.
    Paulinas

[apss_share]