Liturgia diária Sede misericordiosos - Lc 6,36-38

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Lc 6,36-38

Sede misericordiosos como vosso Pai é misericordioso. É um convite para incentivar a nova ética do Reino, a partir da essência de Deus.

Façamos a oração do dia: Pai, dispõe meu coração para o perdão, pois este é o caminho pelo qual estabeleço minha comunhão contigo.

2ª Semana da Quaresma – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 01 de março de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Dn 9,4b-10 

Leitura da Profecia de Daniel.

4b“Eu te suplico, Senhor, Deus grande e terrível, que preservas a aliança e a benevolência aos que te amam e cumprem teus mandamentos; 5temos pecado, temos praticado a injustiça e a impiedade, temos sido rebeldes, afastando-nos de teus mandamentos e de tua lei; 6não temos prestado ouvidos a teus servos, os profetas, que, em teu nome, falaram a nossos reis e príncipes, a nossos antepassados e a todo o povo do país.

7A ti, Senhor, convém a justiça; e a nós, hoje, resta-nos ter vergonha no rosto: seja ao homem de Judá, aos habitantes de Jerusalém e a todo Israel, seja aos que moram perto e aos que moram longe, de todos os países, para onde os escorraçaste por causa das infidelidades cometidas contra ti.

8A nós, Senhor, resta-nos

ter vergonha no rosto: a nossos reis e príncipes, e a nossos antepassados, pois que pecamos contra ti; 9mas a ti, Senhor, nosso Deus, cabe misericórdia e perdão, pois nos temos rebelado contra ti, 10e não ouvimos a voz do Senhor, nosso Deus, indicando-nos o caminho de sua lei, que nos propôs mediante seus servos, os profetas”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 79(78) 

— O Senhor não nos trata como exigem nossas faltas.

— O Senhor não nos trata como exigem nossas faltas.

— Não lembreis as nossas culpas do passado, mas venha logo sobre nós vossa bondade, pois estamos humilhados em extremo.

— Ajudai-nos, nosso Deus e Salvador! Por vosso nome e vossa glória, libertai-nos! Por vosso nome, perdoai nossos pecados!

— Até vós chegue o gemido dos cativos: libertai com vosso braço poderoso os que foram condenados a morrer!

— Quanto a nós, vosso rebanho e vosso povo, celebraremos vosso nome para sempre, de geração em geração vos louvaremos.

EVANGELHO: Lc 6,36-38

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo,

disse Jesus aos seus discípulos: 36“Sede misericordiosos, como também o vosso Pai é misericordioso. 37Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados; perdoai, e sereis perdoados. 38Dai e vos será dado. Uma boa medida, calcada, sacudida, transbordante será colocada no vosso colo; porque com a mesma medida com que medirdes os outros, vós também sereis medidos”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

“Sede misericordiosos como vosso Pai é misericordioso.” Em Mateus lemos “sede perfeitos”. Em Lucas, “sede misericordiosos”. Um explica o outro e juntos nos dizem que a perfeição está na misericórdia. Na verdade, Jesus, o Verbo Encarnado, veio humanizar os seres humanos.

Que belo seria o mundo dominado pela misericórdia, expressa em compreensão e conversão. Compreensão do outro em sua situação histórica. Conversão na capacidade de voltar atrás, de refazer uma decisão justa para o esplendor da misericórdia. Justiça sem misericórdia é vingança! Não julguem para não serem julgados, não condenem para não serem condenados, perdoem para

serem perdoados, deem para receberem.

Quando Deus pedir contas de minha vida, eu mesmo colocarei nas mãos de Deus a medida com a qual serei medido. Ele usará a medida que eu usei para medir os outros. Não é fácil a tarefa das autoridades. Diz o último capítulo do Livro dos Provérbios que o rei deve ser lúcido.

Se estiver embriagado vai se esquecer das leis e não atenderá ao direito dos pobres. Que ele abra a boca em favor do mudo, em defesa dos abandonados, julgue com justiça e defenda o pobre e o indigente. Ao moribundo e ao amargurado dê licor e bom vinho. “Bebam e esqueçam-se da miséria e não se lembrem de suas penas.” A autoridade lúcida tem capacidade de compreender a situação histórica de cada pessoa. Que a autoridade não beba e enxergue os pobres amargurados.Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Reservar um momento em que possa, com tranquilidade e reverência, debruçar-se sobre a Palavra de Deus. Escolha um espaço onde não seja interrompido (a). Entre em oração:

Oração: Concede-me a graça, Pai querido, que ao longo desta Quaresma, eu possa progredir no conhecimento de teu Projeto – revelado em teu Filho Jesus Cristo; sustentado pelo Espírito Santo – e corresponder com minhas atitudes, ao teu imenso amor. Amém.

Leitura (Verdade)

Evangelho: Lc 6,36-38 “Sede misericordiosos como vosso Pai é misericordioso. Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados; perdoai e sereis perdoados. Dai e vos será dado. Uma medida boa, socada, sacudida e transbordante será colocada na dobra da vossa veste, pois a medida que usardes para os outros, servirá também para vós.”

Releia o Evangelho e veja quais são as atitudes humanas sobre as quais Jesus faz um contraponto.

“Dentro do contexto das bem-aventuranças, Jesus começa a traçar o perfil dos seus discípulos. Após solicitar a difícil atitude de amar os inimigos, Jesus propõe o Pai como modelo: sede compassivos como o vosso Pai é compassivo. É um convite para incentivar a nova ética do Reino, a partir da essência de Deus.

E a palavra que melhor define isso é compaixão. Agir conforme o amor misericordioso do Pai faz dos discípulos seus filhos legítimos e propagadores da Boa-Nova de Jesus. Não podemos julgar os que Deus ama. E essa atitude misericordiosa para com os irmãos nos será favorável em nossas fraquezas. Uma vez que somos pecadores, o convite é usar de misericórdia com os outros pecadores. E Jesus acentua isso no Pai-Nosso.” ( Viver a Palavra 2021 – Frei Aldo Colombo –Paulinas Editora)

Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim? Qual meu perfil de discípulo(a) de Cristo? ” Não podemos julgar o que Deus ama.”
O que é que Deus ama e eu ainda julgo?
Senhor, com o perdão, dai-me a graça de perdoar não o pecado, mas o pecador!

Oração (Vida)

Senhor, coloco diante de ti minha inquietude e minha fraqueza. Abro meu coração para que me enchas de paz e me concedas a sabedoria de não fazer julgamentos antes dos fatos e, ser capaz de perdoar Fortalece-me na fé e na compaixão para que diante da tentação de julgar o outro eu tenha a capacidade de amar o que tu amas. Coloco sob tua proteção toda a humanidade que luta e sofre em busca de paz. Dá-no tua luz para construirmos uma sociedade mais pacifica, mais justa e mais fraterna. Pai nosso….

Contemplação (Vida e Missão)

Contemplo a misericórdia do Pai misericordioso e de Jesus, o Filho de Deus, e proponho a melhor minhas atitudes. Em que ponto quero estar vigilante neste dia? Verbalize ou escreva seu propósito.

Bênção

Benção especial da Quaresma
– Deus Pai de misericórdia, conceda a todos, como concedeu ao filho pródigo, a alegria do retorno a casa. Amém.
– O Senhor Jesus Cristo, modelo de oração e de vida, nos guie nesta jornada quaresmal a uma verdadeira conversão. Amém.
– O Espírito de sabedoria e fortaleza nos sustente na luta contra o mal, para podermos com Cristo celebrar a vitória da Páscoa. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Confira a Homilia dominical.Clique aqui