Oração diária, Ide e anunciai a Boa-Nova - Mc 16,15-20

2ª Semana da Páscoa – Ano Litúrgico A

25 de abril de 2020

Deseja ler a liturgia diária do dia 24 de abrilClique aqui

ORAÇÃO DO DIA

Para que, vivendo com alegria nossa fé, vivamos intensamente nosso batismo, comprometidos com a verdade de Cristo e seu Reino.

PRIMEIRA LEITURA: 1Pd 5,5b-14

Leitura da Primeira Carta de São Pedro

– Caríssimos, 5brevesti-vos todos de humildade no relacionamento mútuo, porque Deus resiste aos soberbos, mas dá a sua graça aos humildes. 6Rebaixai-vos, pois, humildemente, sob a poderosa mão de Deus, para que, na hora oportuna, ele vos exalte.
7Lançai sobre ele toda a vossa preocupação, pois ele é quem cuida de vós. 8Sede sóbrios e vigilantes. O vosso adversário, o diabo, rodeia como um leão a rugir, procurando a quem devorar. 9Resisti-lhe, firmes na fé, certos de que iguais sofrimentos atingem também os vossos irmãos pelo mundo afora. 10Depois de terdes sofrido um pouco, o Deus de toda a graça, que vos chamou para a sua glória eterna, em Cristo, vos restabelecerá e vos tornará firmes, fortes e seguros.
11A ele pertence o poder, pelos séculos dos séculos. Amém. 12Por meio de Silvano, que considero um irmão fiel junto de vós, envio-vos esta breve carta, para vos exortar e para atestar que esta é a verdadeira graça de Deus, na qual estais firmes. 13A igreja que está em Babilônia, eleita como vós, vos saúda, como também, Marcos, o meu filho. 14Saudai-vos uns aos outros com o abraço do amor fraterno. A paz esteja com todos vós que estais em Cristo.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 89(88)

        —Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor.
— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor.

— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor, de geração em geração eu cantarei vossa verdade! Porque dissestes: “O amor é garantido para sempre!” E a vossa lealdade é tão firme como os céus.

— Anuncia o firmamento vossas grandes maravilhas, e o vosso amor fiel, a assembleia dos eleitos, pois, quem pode, lá nas nuvens ao Senhor se comparar e quem pode, entre seus anjos, ser a ele semelhante?

— Quão feliz é aquele povo que conhece a alegria; seguirá pelo caminho, sempre à luz de vossa face! Exultará de alegria em vosso nome dia a dia, e com grande entusiasmo exaltará vossa justiça

EVANGELHO: Mc 16,15-20

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Marcos.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, Jesus se manifestou aos onze discípulos, 15e disse-lhes: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura! 16Quem crer e for batizado será salvo. Quem não crer será condenado. 17Os sinais que acompanharão aqueles que crerem serão estes: expulsarão demônios em meu nome, falarão novas línguas; 18se pegarem em serpentes ou beberem algum veneno mortal não lhes fará mal algum; quando impuserem as mãos sobre os doentes, eles ficarão curados”.
19Depois de falar com os discípulos, o Senhor Jesus foi levado ao céu, e sentou-se à direita de Deus. 20Os discípulos então saíram e pregaram por toda parte. O Senhor os ajudava e confirmava sua palavra por meio dos sinais que a acompanhavam.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Hoje celebramos São Marcos, que não foi do grupo dos Doze apóstolos. É evangelista, o primeiro a usar em seu escrito a palavra Evangelho. Era parente de Barnabé, que foi responsável pela formação da comunidade de Antioquia da Síria. Ainda jovem participou da primeira missão na ilha de Chipre, terra de sua família, mas não continuou a missão com Paulo e Barnabé. Voltou para sua casa em Jerusalém, o que desagradou a Paulo. Na segunda viagem, Barnabé queria levar Marcos com o grupo missionário, mas Paulo não o aceitou. Não deixou, porém, de recomendá-lo em outras ocasiões. No fim da Carta aos Colossenses, Paulo escreve nas saudações: “Saúdam-vos Aristarco, meu companheiro de prisão, e Marcos, primo de Barnabé, a respeito de quem já vos dei instruções: se ele aparecer por aí, recebei-o”. Marcos e Aristarco aparecem de novo na Carta a Filêmon. Na Segunda Carta a Timóteo, Paulo escreve: “Toma contigo a Marcos e traze-o, pois me é útil no ministério”. E na Primeira Carta de Pedro, o apóstolo chama Marcos de filho. Quando Pedro saiu da prisão em Jerusalém, foi para a casa de Maria, mãe de Marcos.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
No dia em que recordamos a memória festiva de São Marcos evangelista, o Senhor nos faz um convite: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai a Boa Nova a toda criatura”. Peçamos a graça de bem compreendermos a Palavra que vamos meditar e rezar. Silenciando seu coração, repita algumas vezes a oração: “Jesus Mestre, iluminai minha mente, movei meu coração, para que esta meditação produza em mim frutos de vida. Amém.”
Oro: Trindade Santa, dai-me a graça de estar bem perto de Jesus para me concentrar em sua Palavra. Faço o sinal da cruz sobre meu corpo, Templo de Deus: “Em nome do Pai, do Filho e do Santo Espírito. Amém.”

Leitura (Verdade)
Releio o texto e escuto o que ele me diz. Procuro parar nas palavras do Evangelho que mais me chamaram a atenção. Deixo que a alegria da Palavra me faça caminhar anunciando a Vida.

“Jesus nada escreveu. Sua pregação era oral e feita, quase sempre, ao longo dos caminhos. A palavra era acolhida no coração dos discípulos e vivida em comunidade. O tempo passou e muitos não haviam conhecido Cristo em sua vida terrena. Marcos, companheiro de Paulo, escreveu o primeiro Evangelho. Sua intenção era responder a uma pergunta: quem é Cristo? Pode-se dizer que Marcos escreveu o primeiro Catecismo. Mais tarde, Mateus e Lucas, em seus Evangelhos, partiram do esquema de Marcos. Ele conclui seu Evangelho colocando a missão como necessidade dos discípulos. Jesus voltou ao Pai e os discípulos assumem a tarefa, bonita e difícil, de ensinar e batizar no mundo inteiro e em todos os tempos. Somos herdeiros desta missão.” (Viver a Palavra – 2020. Frei Aldo Colombo – Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
Como ecoaram em seu coração as palavras de Jesus: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai a Boa Nova a toda criatura”? Como você testemunha a sua fé? De que forma anuncia a Boa Nova de Jesus? Quais os sinais de que Deus está no meu agir?

Oração (Vida)
Este momento deixo meu coração falar com Deus. O quero lhe dizer? Que sinais eu peço?

Rezo como missionário(a) pelas necessidades de meu povo. Falo com Deus das fragilidades humanas (lembro as classes menos favorecidas, as que exercem responsabilidade com o povo) e peço a graça de sabedoria divina, especiallmente em momentos de crises e dúvidas.

Contemplação (Vida e Missão)
É preciso uma decisão constante de viver segundo os ensinamentos de Jesus. O que me proponho viver hoje como um passo de fidelidade ao que o Mestre Jesus ensinou?

Bênção
Benção da saúde:

  • O Senhor esteja convosco.
  • Ele esta entre nós.
  • Oremos: Senhor nosso Deus, que enviastes vosso Filho ao mundo para carregar as nossas enfermidades e levar sobre si as nossas dores, nós vos suplicamos por todas as pessoas doentes para que com a paciência fortalecida e a fé renovada superem a doença por vossa benção e voltem a gozar saúde por vossa ajuda.
  • Por Cristo Nosso Senhor.
  • Amém.
  • Deus de toda a consolação , que cuida de tidas as criaturas, vos dê a sua benção.
    Amém.
    Ir. Carmen Maria Pulga

[apss_share]