Oração diária, A vossa libertação está próxima... - Lc 21,25-28.34-36

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Lc 21,25-28.34-36

Façamos a oração do dia: Espírito de oração vigilante, conserva-me em estado de contínuo alerta, a fim de que eu me prepare, pela vivência do amor, para a chegada do Cristo que vem.

1º Domingo do Advento – Ano Litúrgico C

Liturgia do dia 28 de novembro de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Jr 33,14-16  

Leitura do Livro do profeta Jeremias:

14“Eis que virão dias, diz o Senhor, em que farei cumprir a promessa de bens futuros para a casa de Israel e para a casa de Judá.

15Naqueles dias, naquele tempo, farei brotar de Davi a semente da justiça, que fará valer a lei e a justiça na terra.

16Naqueles dias, Judá será salvo e Jerusalém terá uma população confiante; este é o nome que servirá para designá-la: ‘O Senhor é a nossa justiça’”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO  25(24) 

— Senhor meu Deus, a vós elevo a minha alma!

— Senhor meu Deus, a vós elevo a minha alma!

— Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos, e fazei-me conhecer a vossa estrada! Vossa verdade me oriente e me conduza, porque sois o Deus da minha salvação!

— O Senhor é piedade e retidão, e reconduz ao bom caminho os pecadores. Ele dirige os humildes na justiça, e aos pobres ele ensina o seu caminho.

— Verdade

e amor são os caminhos do Senhor para quem guarda sua Aliança e seus preceitos. O Senhor se torna íntimo aos que o temem e lhes dá a conhecer sua Aliança.

SEGUNDA LEITURA: 1Ts 3,12-4,2  

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses:

Irmãos: 3,12O Senhor vos conceda que o amor entre vós e para com todos aumente e transborde sempre mais, a exemplo do amor que temos por vós. 13Que assim ele confirme os vossos corações numa santidade sem defeito aos olhos de Deus, nosso Pai, no dia da vinda de nosso Senhor Jesus, com todos os seus santos.

4,1Enfim, meus irmãos, eis que vos pedimos e exortamos no Senhor Jesus: Aprendestes de nós como deveis viver para agradar a Deus, e já estais vivendo assim. Fazei progressos ainda maiores! 2Conheceis, de fato, as instruções que temos dado em nome do Senhor Jesus.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

EVANGELHO: Lc 21,25-28.34-36

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós!

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos:

25“Haverá

sinais no sol, na lua e nas estrelas. Na terra, as nações ficarão angustiadas, com pavor do barulho do mar e das ondas. 26Os homens vão desmaiar de medo, só em pensar no que vai acontecer ao mundo, porque as forças do céu serão abaladas.

27Então eles verão o Filho do Homem, vindo numa nuvem com grande poder e glória. 28Quando estas coisas começarem a acontecer, levantai-vos e erguei a cabeça, porque a vossa libertação está próxima.

34Tomai cuidado para que vossos corações não fiquem insensíveis por causa da gula, da embriaguez e das preocupações da vida, e esse dia não caia de repente sobre vós; 35pois esse dia cairá como uma armadilha sobre todos os habitantes de toda a terra.

36Portanto, ficai atentos e orai a todo momento, a fim de terdes força para escapar de tudo o que deve acontecer e para ficardes em pé diante do Filho do Homem”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

Deus prometeu tranquilidade e segurança para o povo e cumprirá sua promessa. Pela boca do profeta Jeremias anunciou o nascimento de um descendente de Davi, que implantará o direito e a justiça na terra. Ele será uma semente de justiça. Jerusalém se chamará “Senhor, nossa justiça”. Quando tudo isso acontecerá? No fim dos tempos ou em nossos dias? Lucas, o evangelista, volta o nosso olhar para a fim dos tempos, quando todos verão o Filho do Homem vindo numa nuvem com poder e glória. Naquele dia haverá no ar, na terra e no mar fenômenos cósmicos assustadores.

É

hora de estar de pé, de cabeça erguida, porque a libertação está próxima. Chegou, enfim, a libertação. Chegou, enfim, mas só no fim? Advento é tempo de esperança. Esperamos a realização das promessas de Deus feitas ao povo da primeira aliança. Esperamos que venha o descendente de Davi e implante no mundo o direito e a justiça. Esperamos que nossa cidade se chame “Senhor, nossa justiça” e que nela vivamos tranquilos em segurança.

O Evangelho nos diz como esperar. De pé, de cabeça erguida, com o coração leve, sem o peso da gula, da embriaguez, das preocupações; atentos em oração para poder permanecer de pé diante do Filho do Homem. Esta é a perspectiva para o futuro no fim dos tempos, quando o Senhor virá julgar os vivos e os mortos e estabelecer para sempre o Reino de justiça e de paz. Mas e agora? Não há nada para hoje, para os nossos dias? Nossa cidade nunca será chamada de “Senhor, nossa justiça”? Nunca viveremos tranquilos e em segurança? Os tessalonicenses queriam saber quando o Senhor viria estabelecer o Reino de justiça e paz. Queriam saber e tinham pressa.

Em duas cartas, São Paulo explicou a eles que não sabemos nem o dia nem a hora. Tudo acontecerá de repente, mas, enquanto esperamos, vivamos unidos a ele e trabalhemos. Assim, sua vinda não será uma surpresa. A implantação agora do Reino de justiça fica por nossa conta. Compete a nós crescer no amor para com todos com a graça de Deus. O amor dinâmico, que cresce sempre mais, num esforço de progressos maiores, confirma os nossos corações em santidade diante de Deus. Esperamos a vinda final do Senhor com o coração leve, sem excessos de gula, bebedeiras e preocupações. Expandindo e multiplicando atos de amor, revelamos ao mundo que o Senhor já veio e está vindo.

É o Senhor quem nos concede que o amor cresça. É ele que age por meio de nós. Os sinais do futuro Reino de justiça e paz são colocados na vida de cada dia por quem crê e espera. A Liturgia do Advento se divide em duas partes. A primeira nos prepara para o fim dos tempos, que é também o fim do tempo de cada um. A segunda nos prepara para a celebração do Natal. Aquele que virá em sua glória é o mesmo que veio no humilde presépio de Belém.

Alguns símbolos nos ajudam a viver este tempo litúrgico. As quatro velas na Coroa do Advento acompanham os quatro domingos deste tempo. Cada domingo acende-se uma vela que ilumina um dos pontos cardeais, até que o Norte, o Sul, o Leste e o Oeste estejam iluminados por aquele que é Luz da Luz. Você pode ter uma Coroa do Advento em casa. Assim como um presépio ao lado da árvore de Natal. O Papai Noel é menos recomendável por ser a comercialização do bispo São Nicolau, que dava presentes às crianças. Há certo esforço do “mundo” para que o Papai Noel ocupe o lugar do Menino Jesus.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém
Oração a Nossa Senhora da Anunciação
Todas as gerações vos proclamem bem-aventurada, ó Maria! Crestes na mensagem celeste, e em vós se cumpriram grandes coisas, como vos fora anunciado. Maria, eu vos louvo! Crestes na Encarnação do Filho em vosso seio virginal e vos tornastes Mãe de Deus. Raiou então o dia mais feliz da humanidade! As pessoas tiveram o Mestre divino.
Maria, alcançai-me a graça de uma fé viva, forte, atuante.
Maria, Mãe, Mestra e Rainha dos Apóstolos, rogai por nós.

Leitura (Verdade)

Começa o Advento. A Liturgia nos apresenta um cenário de parusia. A parusia é a volta gloriosa de Jesus Cristo, no final dos tempos. Jesus fala de sinais que anunciam esta volta. E recomenda a ficar de “cabeça erguida e firmes”. Festas e bebedeiras poderão distrair. Jesus recomenda a estarmos conscientes da vinda do Senhor: “Fiquem alertas!”

Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim, hoje?
Os bispos na Conferência de Aparecida lembraram: “O discípulo sabe que sem Cristo não há luz, não há esperança, não há amor, não há futuro.” (DA, 146).
E eu me interrogo: Cristo é minha luz, minha esperança?

Oração (Vida)

O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo, espontaneamente, com salmos e concluo com a oração
Jesus, Divino Mestre,
Nós vos adoramos, Verbo feito carne, enviado pelo Pai,
para ensinar às pessoas a verdade que dá a vida..
Sois a verdade incriada, o único Mestre.
“Somente vós tendes palavras de vida eterna”.
Nós vos louvamos e agradecemos porque
nos concedestes a luz da inteligência e da fé e
nos chamastes à luz da glória.
Nós cremos e abrimos nossa inteligência e todo o nosso ser
para aceitar e viver a vossa palavra e tudo o que nos ensinais
por meio da Igreja..
Mostrai-nos, ó Senhor e Mestre, os tesouros da vossa sabedoria.
Fazei que conheçamos o Pai e sejamos vossos discípulos autênticos.
Aumentai nossa fé, para que vos possamos contemplar eternamente no céu.
Jesus Mestre, Verdade

Contemplação (Vida e Missão)

Qual meu novo olhar a partir da Palavra? Sinto-me discípulo/a de Jesus.
Meu olhar deste dia será iluminado pela presença de Jesus Cristo, acolhido no meu coração e no coração das demais pessoas.
Rezo a
Bênção natalina do bem-aventurado Alberione
Jesus Menino coloque sobre tua cabeça a sua mãozinha e derrame sobre ti
a sua luz, conforto e alegria.
Amém!

Bênção

– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !