Oração diária O discípulo não está acima do Mestre Lc 6,39-42

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Lc 6,39-42

Façamos a oração do dia: Pai, concede-me suficiente autocrítica que me predisponha a corrigir meu semelhante, sem incorrer na malícia dos hipócritas

23ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 10 de setembro de 2021

PRIMEIRA LEITURA: 1Tm1,1-2.12-14  

nício da Primeira Carta de São Paulo a Timóteo.

1Paulo, apóstolo de Cristo Jesus, por ordem de Deus, nosso Salvador, e de Cristo Jesus, nossa esperança, 2a Timóteo, verdadeiro filho na fé: a graça, a misericórdia e a paz de Deus Pai e de Cristo Jesus, nosso Senhor.

12Agradeço àquele que me deu força, Cristo Jesus, nosso Senhor, pela confiança que teve em mim ao designar-me para o seu serviço, 13a mim, que antes blasfemava, perseguia e insultava. Mas encontrei misericórdia, porque agia com a ignorância de quem não tem fé. 14Transbordou a graça de nosso Senhor com a fé e o amor que há em Cristo Jesus.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 16(15)

— O Senhor é a porção da minha herança!

— O Senhor é a porção da minha herança!

— Guardai-me, ó Deus, porque em vós me refugio! Digo ao Senhor: “Somente vós sois meu Senhor. Ó Senhor, sois minha herança e minha taça, meu destino está seguro em vossas mãos!”

— Eu

bendigo o Senhor, que me aconselha, e até de noite me adverte o coração. Tenho sempre o Senhor ante meus olhos, pois se o tenho a meu lado não vacilo.

— Vós me ensinais vosso caminho para a vida; junto a vós, felicidade sem limites, delícia eterna e alegria ao vosso lado!

EVANGELHO: Lc 6,39-42

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 39Jesus contou uma parábola aos discípulos: “Pode um cego guiar outro cego? Não cairão os dois num buraco? 40Um discípulo não é maior do que o mestre; todo discípulo bem formado será como o mestre. 41Por que vês tu o cisco no olho do teu irmão, e não percebes a trave que há no teu próprio olho?

42Como podes dizer a teu irmão: Irmão, deixa-me tirar o cisco do teu olho, quando tu não vês a trave no teu próprio olho? Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho, e então poderás enxergar bem para tirar o cisco do olho do teu irmão”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO
DO EVANGELHO

Um cego não pode guiar outro cego; o aluno não está acima do mestre. Se quero ser guia de cegos, preciso enxergar bem, se não caímos os dois no buraco. Nietzsche dizia que “alguns não conseguem afrouxar suas próprias cadeias e, não obstante, conseguem libertar seus amigos”.

É um preso soltando outro preso. É alguém capaz de ajudar um outro a superar certas dependências que ele mesmo não supera. Transmito convicções que mantêm alguém firme na prática do bem e perseverante no amor conjugal, por forte que seja a vontade de desistir, e me vejo desistindo. Somos incapazes de muitas coisas, sobretudo de tirar a trave que temos nos olhos.

A incapacidade é a verdade da nossa existência. “Kavaná” é uma palavra de grande importância na espiritualidade hebraica. Pode ser traduzida por “intenção”, “propósito”, “motivo”. O propósito da kavaná, explica o rabino Heschel, “é conduzir o coração para Deus, mais do que a língua e os braços”. O encanto está na possibilidade que Deus nos dá de orientar para ele tudo o que queremos realizar, de pôr em tudo uma intenção, kavaná, séria e sincera, mesmo tendo que dizer com o rabino Paulo de Tarso: “Vejo o melhor, experimento, e sigo o que é pior”.

Côn.

Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Pela escuta e meditação da Palavra, somos convidados pelo Senhor a viver duas de suas exortações: não julgar os outros e combater a hipocrisia. Que o Espírito Santo venha em nosso auxílio e nos mostre o que a Palavra deseja realizar na vida de cada um de nós.

Rezemos: “Senhor Jesus Cristo, envia sobre nós, como prometeste, teu Espírito Santo. Que Ele nos conceda a vida e nos ensine a plenitude da verdade. Que nele encontremos a salvação, felicidade e plenitude de amor. Amém.”

Leitura (Verdade)

Ao rezar este Evangelho observe a quem Jesus está instruindo? Onde você percebe que o julgamento e a hipocrisia estão presentes? Qual é o caminho apontado por Jesus?

“Na figura do cego, Lucas indica aqueles que não têm fé e discernimento para abraçar o Reino de Deus. Embora discípulos de Jesus, não somos uma sociedade perfeita. Guardamos sempre nossa condição de pecadores. Assumindo esta condição, seremos compassivos com os outros pecadores. Ninguém de nós pode considerar-se como referência na virtude e no bem. Referência única é Jesus Cristo. O hipócrita, no teatro grego, era aquele que representava um papel para os espectadores. Para nós, representa a ambiguidade de vida. A conversão é o caminho de toda a nossa vida. Estamos sempre começando e eliminando o cisco de nosso olho e de nossa vida. Devemos ser exigentes conosco e misericordiosos com os outros.” 

Meditação (Caminho)

Não sabemos bem em que contexto Jesus disse essas palavras. Mas elas nos ensinam que, se quero ajudar os outros no caminho da salvação, devo seguir o caminho indicado por Jesus. Ser cristão não é impor minhas ideias, mas viver o mais profundo possível o ensinamento de Cristo.
Qual é o caminho para o não julgamento dos outros? E para combater a hipocrisia? O que o Senhor me convida a viver hoje?

Oração (Vida)

Peçamos que o Espírito Santo transforme o nosso coração: “Ó Espírito Santo! Dai-me um coração grande, aberto à vossa silenciosa e forte palavra inspiradora; fechado a todas as ambições mesquinhas, alheio a qualquer desprezível competição humana, compenetrado do sentido da Santa Igreja! Um coração grande, desejoso de se tornar semelhante ao Coração do Senhor Jesus. Um coração grande e forte, para amar a todos, para servir a todos, para sofrer por todos. Um coração grande e forte, para superar todas as provações, todo tédio, todo cansaço, toda ofensa, toda desilusão. Um coração grande e forte e constante até o sacrifício, quando for necessário. Um coração cuja felicidade é palpitar com o coração de Cristo e cumprir, humilde e fielmente, a vontade do Pai. Amém” (Papa São Paulo VI).

Contemplação (Vida e Missão)

Como você pretende viver concretamente, durante o dia, os apelos que o Senhor lhe revelou? Não dispensar o exame de consciência diário.

Bênção

– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !