Liturgia diária, Permanecei no meu amor - Jo 15,9-11

PRECISO MUITO TE AJUDA !
Divida desse mês é de R$ 514,00 (referente a mensalidade do servidor do site) Data para acertar o pagamento: 17/06
Valor arrecadado: R$ 104,89
FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR
PIX CHAVE EMAIL: doacao@catequizar.com.br
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Jo 15,9-11

A perfeita alegria consistiria em não se abalar, seguir adiante vencendo a si mesmo com o dom do Espírito Santo.

Façamos a oração do dia: Pai, completa a alegria que o Espírito Santo faz brotar em mim, pois estou disposto a permanecer unido a ti e a teu Filho, e a ser fiel aos teus mandamentos, apesar das adversidades.

5ª Semana da Páscoa – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 06 de maio de 2021

PRIMEIRA LEITURA:  At 15,7-21

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, 7depois de longa discussão, Pedro levantou-se e falou aos apóstolos e anciãos: “Irmãos, vós sabeis que, desde os primeiros dias, Deus me escolheu, do vosso meio, para que os pagãos ouvissem de minha boca a palavra do Evangelho e acreditassem. 8Ora, Deus, que conhece os corações, testemunhou a favor deles, dando-lhes o Espírito Santo como o deu a nós. 9E não fez nenhuma distinção entre nós e eles, purificando o coração deles mediante a fé. 10Então, por que vós agora pondes Deus à prova, querendo impor aos discípulos um jugo que nem nossos pais nem nós mesmos tivemos força para suportar? 11Ao contrário, é pela graça do Senhor Jesus que acreditamos ser salvos, exatamente

como eles”.

12Houve então um grande silêncio em toda a assembleia. Depois disso, ouviram Barnabé e Paulo contar todos os sinais e prodígios que Deus havia realizado, por meio deles, entre os pagãos. 13Quando Barnabé e Paulo terminaram de falar, Tiago tomou a palavra e disse: “Irmãos, ouvi-me: 14Simão acaba de nos lembrar como, desde o começo, Deus se dignou tomar homens das nações pagãs para formar um povo dedicado ao seu Nome. 15Isso concorda com as palavras dos profetas, pois está escrito: 16“Depois disso, eu voltarei e reconstruirei a tenda de Davi que havia caído; reconstruirei as ruínas que ficaram e a reerguerei, 17a fim de que o resto dos homens procure o Senhor com todas as nações que foram consagradas ao meu Nome. É o que diz o Senhor, que fez estas coisas, 18conhecidas há muito tempo’.

19Por isso, sou do parecer que devemos parar de importunar os pagãos que se convertem a Deus. 20Vamos somente prescrever que eles evitem o que está contaminado pelos ídolos, as uniões ilegítimas, comer carne de animal sufocado e o uso do sangue. 21Com efeito, desde os tempos antigos, em cada cidade,

Moisés tem os seus pregadores, que leem todos os sábados nas sinagogas”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 96(95)

— Anunciai as maravilhas do Senhor entre todas as nações.

— Anunciai as maravilhas do Senhor entre todas as nações.

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, cantai ao Senhor Deus, ó terra inteira! Cantai e bendizei seu santo nome!

— Dia após dia anunciai sua salvação, manifestai a sua glória entre as nações, e entre os povos do universo seus prodígios!

— Publicai entre as nações: “Reina o Senhor!” Ele firmou o universo inabalável pois os povos ele julga com justiça.

EVANGELHO: Jo 15,9-11

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 9“Como meu Pai me amou, assim também eu vos amei. Permanecei no meu amor. 10Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor, assim como eu guardei os mandamentos do meu Pai e permaneço no seu amor. 11Eu vos disse isto, para

que a minha alegria esteja em vós e a vossa alegria seja plena”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

“Permaneçam no meu amor, permanecereis no meu amor, eu permaneço no amor do Pai. Que a minha alegria esteja em vocês e seja completa. A minha alegria.” Qual seria a alegria de Jesus? Os Evangelhos nos falam de dores, tristezas, impaciências na vida de Jesus de Nazaré, tudo bem humano. Alegrias, deve ter tido. Ele, porém, fala da “minha” alegria. É da sua alegria que se trata. Podemos pensar que a palavra “alegria” é sinônimo de Espírito.

A nossa alegria, que é a de Cristo, é a presença do Espírito Santo em nós e nós nele. Paulo escreve aos romanos que “o Reino de Deus não consiste em comida e bebida, mas é justiça, paz e alegria no Espírito Santo”. A alegria é um estado de satisfação interior que permanece em qualquer situação. Frei Leão perguntou a São Francisco onde estava a perfeita alegria. Respondendo, Francisco imaginou que os dois fossem muito maltratados e rejeitados na portaria do convento, confundidos com gente má.

A perfeita alegria consistiria em não se abalar, seguir adiante vencendo a si mesmo com o dom do Espírito Santo. “Eu te digo que se eu tiver paciência e não me abalar, que nisto está a verdadeira alegria e a verdadeira virtude e salvação da alma”. Que tal rir e sorrir para mostrar a alegria que temos no coração? “É melhor rir do que escrever com lágrimas, porque rir é próprio do ser humano”, dizia o escritor francês Rabelais. O sorriso traduz a presença do Espírito e ilumina e humaniza a nossa face.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Com o mesmo amor com que o Pai ama o Filho, Jesus ama os seus discípulos, ama a cada um de nós. Acolhamos essa certeza em nosso dia, permaneçamos no seu amor e deixemo-nos conduzir por sua Palavra.
Abramo-nos à ação do Espírito Santo que reza em nós, dizendo:

“Ó divino Espírito, ensina-me tudo quanto Jesus ensinou. Dá-me inteligência para entender; memória para lembrar; vontade dócil para praticar; coração generoso para corresponder aos teus convites. Amém.”

Façamos silêncio para ouvir a Palavra do Senhor e meditá-la, a fim de que ela, por meio da ação eficaz do Espírito Santo, continue a habitar e a viver em nós e a falar-nos ao longo de todos os dias da nossa vida.

Leitura (Verdade)

Faça a leitura atenta do Evangelho. Procure entender o que significa permanecer no amor de Jesus. E que sua alegria esteja em nós.

“Santa Teresa recomendava: tenhamos medida em tudo, menos no amor. Deus é amor e toda a sua proposta só pode ser entendida pela ótica do amor. Ele nos criou por amor, e seu amor jamais voltará atrás. João nos garante que ele nos amou até o fim. O escravo obedece por causa do chicote, mas nós somos filhos e nossa atitude só pode ser a do amor. O Pai ama o filho Jesus, este nos ama e surge nosso compromisso de amar a todos, amar até os inimigos. Mas não se trata de amar com palavras. É amar mesmo com o coração ferido, amar e perdoar quando – humanamente – o irmão nos parece não amável, e perdoar as atitudes “imperdoáveis”. Esse amor é fecundo, é a razão do êxito pastoral, e nos traz a alegria plena.”

Meditação (Caminho)

Agora, vamos trazer a reflexão da Palavra para a nossa vida. O que o texto diz para mim? Que aspectos do mistério de Deus esta passagem me possibilita conhecer? Como percebo o amor de Jesus por mim? Experimento a alegria de viver em Deus? A alegria de seguir Jesus faz parte da minha vida?

Oração (Vida)

Ouvimos a voz de Deus, por meio de sua Palavra. Agora, somos impelidos em direção àquele a quem temos ouvido. O que o texto bíblico o(a) inspira a dizer a Deus?

Conclua com a oração composta por São João Paulo II: “Senhor Jesus, concede-me crer firmemente no amor que Tu me revelaste e que doaste no teu Evangelho. Faze que eu ouça cada dia a tua voz que me chama a seguir-te para sentir sempre em mim os benefícios da tua redenção. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

Qual é a aplicação da Palavra em sua vida? O que você se propõe a viver hoje? Como pretende atingir esse propósito?

Bênção

O Senhor, Deus de amor e paz, habite em vossos corações, oriente os vossos passos e confirme os vossos corações em seu amor. Vá em paz e seja um mensageiro (a) da Boa Nova.

Confira a Homilia dominical.Clique aqui