Oração diária, Fogo eu vim lançar sobre a terra... - Lc 12,49-53

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Lc 12,49-53

A vida cristã não transcorre na calmaria e na rotina. É preciso ter coragem para as escolhas. Uma destas escolhas passa pelo universo familiar.

Façamos a oração do dia: Pai, que o batismo de Jesus, por sua morte de cruz, purifique-me de todo pecado e de toda maldade, como um fogo ardente, abrindo o meu coração totalmente para ti.

29ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

Liturgia do dia 22 de outubro de 2020

PRIMEIRA LEITURA: 

Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios – Irmãos, 14eu dobro os joelhos diante do Pai, 15de quem toda e qualquer família recebe seu nome, no céu e sobre a terra. 16Que ele vos conceda, segundo a riqueza de sua glória, serdes robustecidos, por seu Espírito, quanto ao homem interior, 17que ele faça habitar, pela fé, Cristo em vossos corações, que estejais enraizados e fundados no amor. 18Tereis assim a capacidade de compreender, com todos os santos, qual a largura, o comprimento, a altura, a profundidade, 19e de conhecer o amor de Cristo, que ultrapassa todo o conhecimento, a fim de que sejais cumulados até receber toda a plenitude de Deus. 20Àquele que tudo pode realizar superabundantemente, e muito mais do que nós pedimos

ou concebemos, e cujo poder atua em nós, 21a ele a glória, na Igreja e em Jesus Cristo, por todas as gerações, para sempre. Amém.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 33(32)

— Transborda em toda a terra a bondade do Senhor!
— Transborda em toda a terra a bondade do Senhor!

— Ó justos, alegrai-vos no Senhor! Aos retos fica bem glorificá-lo. Dai graças ao Senhor ao som da harpa, na lira de dez cordas celebrai-o!

— Pois é reta a palavra do Senhor, e tudo o que ele faz merece fé. Deus ama o direito e a justiça, transborda em toda a terra a sua graça.

— Mas os desígnios do Senhor são para sempre, e os pensamentos que ele traz no coração, de geração em geração, vão perdurar. Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança!

— Mas o Senhor pousa o olhar sobre os que o temem, e que confiam esperando em seu amor, para da morte libertar as suas vidas e alimentá-los quando é tempo de penúria.

EVANGELHO: 

– O Senhor esteja convosco.
– Ele está

no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
– Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo disse Jesus aos seus discípulos: 49“Eu vim para lançar fogo sobre a terra, e como gostaria que já estivesse aceso! 50Devo receber um batismo, e como estou ansioso até que isto se cumpra!
51Vós pensais que eu vim trazer a paz sobre a terra? Pelo contrário, eu vos digo, vim trazer divisão. 52Pois, daqui em diante, numa família de cinco pessoas, três ficarão divididas contra duas e duas contra três;53ficarão divididos: o pai contra o filho e o filho contra o pai; a mãe contra a filha e a filha contra a mãe; a sogra contra a nora e a nora contra a sogra”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

Este texto, marcado por um caráter de urgência, dá a impressão de que Jesus gostaria de ter um grupo de seguidores decididos. Um grupo de pessoas prontas a enfrentar todo tipo de dificuldade

para alcançar o objetivo a que se propôs. Evidentemente, em termos cristãos, o objetivo é o Reino de Deus.

Quando Jesus se refere ao batismo que ele deve receber, entendemos que está falando de sua morte na cruz e de sua ressurreição. Mas quando fala que veio trazer fogo e divisão, e dá o exemplo de divisões dentro da família por causa do projeto de Jesus, certamente está falando de gente de opção firme e decidida.

Quando Mateus diz que o Reino dos Céus sofre violência, ele pode estar falando da violência que corrompe o mundo e impede a convivência pacífica, como aquela que os ninivitas tinham em mãos. Quando, porém, Lucas escreve que “todos se esforçam para entrar no Reino de Deus com violência”, ele pode estar falando que o Reino é para quem está disposto enfrentar a batalha. Temos inúmeros exemplos de gente extremamente dedicada à causa de Cristo e de seu Evangelho que aguentou firme, manteve-se de pé, combateu o bom combate, completou a corrida e guardou a fé. Meditando o que Jesus suportou, seu discípulo não pode querer ser diferente dele

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Memória Litúrgica de São João Paulo II. Neste início da nossa leitura orante, peçamos ao Espírito Santo a graça de compreendermos o mistério da vida de Cristo que hoje a Palavra nos apresenta. Rezemos a oração composta por São João Paulo II
Oração “Senhor Jesus, concede-me crer firmemente no amor que Tu me revelaste e que doaste no teu Evangelho. Faze que eu ouça cada dia a tua voz que me chama a seguir-te para sentir sempre em mim os benefícios da tua redenção. Amém.”

Leitura (Verdade)

O que diz o texto bíblico? A quem Jesus está instruindo? Qual é o seu ensinamento? Qual é o significado do fogo, no contexto do relato bíblico? Por que Jesus diz que veio trazer a divisão? Qual é o significado da divisão, no contexto da narrativa?

“Com duas imagens, Jesus descreve aspectos de sua missão: o fogo do julgamento que sua vida inaugura e o batismo de morte que consumará o projeto de Deus. São imagens fortes e que incluem luta. A vida cristã não transcorre na calmaria e na rotina. É preciso ter coragem para as escolhas. Uma destas escolhas passa pelo universo familiar. Os familiares, por vezes, têm projetos tradicionais e que não dão espaço para as coisas de Deus. Ele experimentou isso em sua própria família, que pretendia direcioná-lo. Para ela, Jesus anuncia uma nova família, que surge da Palavra. A contradição marca sua vida, desde o começo. Mas ele caminha com decisão, e a cruz – passagem obrigatória – não será a última palavra.”

Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim? Qual palavra deste Evangelho encontrou profunda sintonia com a minha vida, com as minhas atitudes? Diante dos desafios sou corajoso (a) ou vou pela lei do menor esforço?

Oração (Vida)

O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Este é o momento do diálogo com o Senhor, momento de fazer a sua oração e de dar uma resposta ao que Ele lhe revelou por meio de sua Palavra. Silencie o coração e faça a sua prece, a sua oração. Agradeça ao Senhor o grande amor que Ele tem por você.

Contemplação (Vida e Missão)

Avaliar nossas atitudes à luz do Batismo e formular o propósito para este dia.

Bênção

  • O Senhor Deus nosso Pai esteja sempre conosco.
  • Ele está no meio nós.

Oremos: “Senhor nosso Deus, Que enviastes Vosso Filho ao mundo Para curar as nossas enfermidades, Levar sobre Si as nossas dores, Redimir nossos pecados e Nos dar a Vida Eterna que vem de Vós, Tendes Piedade de nós!

Deus Misericordioso, Que cuida de todas as Vossas Criaturas, Atendei as nossas suplicas, e Segundo a Vossa Vontade, Protegei o Vosso Povo, Oprimido por essa doença terrível. Guardai e mantenhais a saúde daqueles Que não contraíram essa doença e Dai Senhor, aos que a contraíram, Paciência fortalecida, fé renovada e A cura desse mal, Para que todos nós desfrutemos De plena e duradoura saúde! Por Jesus Cristo nosso Senhor.” Amém.

Todo o Louvor, toda a Honra, toda a Gratidão, Toda a Fé, toda a Confiança, Toda a Adoração e toda a Glória Sejam dadas aos Senhor nosso Deus, Agora e para sempre! Em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo! Amém.

Confira a Homilia dominical.Clique aqui