Liturgia diária Pai Santo, guarda-os em teu nome

7ª Semana da Páscoa – Ano Litúrgico C

11 de maio de 2016

ORAÇÃO DO DIA

Pai, reforça minha fidelidade a Jesus, de maneira que o Maligno não prevaleça sobre mim. Protege-me contra a maldade do mundo, consagrando-me na verdade.

PRIMEIRA LEITURA:  At 20,28-38

Leitura dos Atos dos Apóstolos – Naqueles dias, Paulo disse aos anciãos da Igreja de Éfeso: 28“Cuidai de vós mesmos e de todo o rebanho, sobre o qual o Espírito Santo vos colocou como guardas, para pastorear a Igreja de Deus, que ele adquiriu com o sangue do seu próprio Filho.
29Eu sei, depois que eu for embora, aparecerão entre vós lobos ferozes, que não pouparão rebanho. 30Além disso, do vosso próprio meio aparecerão homens com doutrinas perversas que arrastarão discípulos atrás de si. 31Por isso, estai sempre atentos: lembrai-vos de que, durante três anos, dia e noite, com lágrimas, não parei de exortar a cada um em particular.
32Agora entrego-vos a Deus e à mensagem de sua graça, que tem poder para edificar e dar a herança a todos os que foram santificados. 33Não cobicei prata, ouro ou vestes de ninguém. 34Vós bem sabeis que estas minhas mãos providenciaram o que era necessário para mim e para os que estavam comigo. 35Em tudo vos mostrei que, trabalhando deste modo, se deve ajudar os fracos, recordando as palavras do Senhor Jesus, que disse: ‘Há mais alegria em dar do que em receber’”.
36Tendo dito isto, Paulo ajoelhou-se e rezou com todos eles. 37Todos, depois, prorromperam em grande pranto, e lançando-se ao pescoço de Paulo, o beijavam, 38aflitos, sobretudo por lhes haver ele dito que não tornariam a ver-lhe o rosto. E o acompanharam até o navio – Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 67

 — Reinos da terra cantai ao Senhor.
— Reinos da terra cantai ao Senhor.

— Suscitai, ó Senhor Deus, suscitai vosso poder, confirmai este poder que por nós manifestastes, a partir de vosso templo, que está em Jerusalém, para vós venham os reis e vos ofertem seus presentes!

— Reinos da terra, celebrai o nosso Deus, cantai-lhe salmos! Ele viaja no seu carro sobre os céus dos céus eternos. Eis que eleva e faz ouvir a sua voz, voz poderosa.

— Dai glória a Deus e exaltai o seu poder por sobre as nuvens. Sobre Israel, eis sua glória e sua grande majestade! Em seu templo ele é admirável e a seu povo dá poder. Bendito seja o Senhor Deus, agora e sempre. Amém, amém!

EVANGELHO: Jo 17,11b-19

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São João.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, Jesus ergueu os olhos para o céu e rezou, dizendo: 11b“Pai santo, guarda-os em teu nome, o nome que me deste, para que eles sejam um assim como nós somos um. 12Quando eu estava com eles, guardava-os em teu nome, o nome que me deste. Eu os guardei e nenhum deles se perdeu, a não ser o filho da perdição, para se cumprir a Escritura.
13Agora, eu vou para junto de ti, e digo estas coisas, estando ainda no mundo, para que eles tenham em si a minha alegria plenamente realizada. 14Eu lhes dei a tua palavra, mas o mundo os rejeitou, porque não são do mundo, como eu não sou do mundo. 15Não te peço que os tires do mundo, mas que os guardes do Maligno. 16Eles não são do mundo, como eu não sou do mundo.
17Consagra-os na verdade; a tua palavra é verdade. 18Como tu me enviaste ao mundo, assim também eu os enviei ao mundo. 19Eu me consagro por eles, a fim de que eles também sejam consagrados na verdade”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

A oração sacerdotal. Que o Pai guarde os discípulos, e que sejam um. Tenham a alegria de Jesus em plenitude. Permaneçam no mundo protegidos do maligno. Sejam santificados na verdade. Como o Pai e o Filho são Um, assim também sejam um os seus discípulos. Sejam eles perfeitos como o Pai do Céu é perfeito. A perfeição se realiza na misericórdia, único caminho para o ser humano atingir alguma perfeição. A unidade, a mesma que tem o Pai e o Filho, só pode se realizar na qualidade das relações. A Trindade é feita de relações perfeitas. Nós, de relações imperfeitas, sempre em construção e correção. A unidade do Pai e do Filho permanecem como noção-limite a ser buscada por nós. Vivemos no mundo o escândalo das divisões, próprias do maligno. Jesus se distancia e vai ao Pai sem deixar tristeza. Enche-nos de alegria ao voltar no Espírito. É na verdade da Palavra do Pai que se santificam os discípulos. A Verdade é o próprio Jesus, Palavra terna do Pai.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2016’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! No Evangelho de hoje, em oração ao Pai, Jesus pede que seus discípulos sejam um, assim como Ele e o Pai são um. Que o Espírito Santo nos ensine a viver a graça de seu amor transformador. “Ó Divino Espírito Santo, venha sobre nós e transforme nosso coração em terra boa para acolher a Palavra que dá vida nova. Que assim seja. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? É a essa pergunta que você deve procurar responder neste primeiro passo da leitura orante. Leia o Evangelho com bastante calma, pois este momento é muito importante para a vivência dos próximos passos.
Durante a leitura, destaque os verbos mais marcantes e os personagens presentes no texto. No Evangelho de hoje, Jesus faz uma oração muito profunda: “Pai Santo, guarda-os em teu nome, o nome que me deste, para que eles sejam um, como nós somos um” (Jo 17,11).

Meditação (Caminho)
Disponha-se, neste momento, a escutar o que o Senhor diz a você por meio de sua Palavra. Se for necessário, leia novamente o Evangelho, devagar, detendo-se nas palavras que mais o(a) tocam. Por fim, responda: o que o texto diz a você?

Oração (Vida)
A Palavra de Deus nos dá um novo olhar sobre a realidade. Nesta oração, apresente ao Senhor, nosso Deus, o que a Palavra o(a) instiga a apresentar. Entregue a Ele as suas intenções e as intenções de seu povo, seja grato por sentir a presença de Deus em sua vida e agradeça seu amor.

Contemplação (Vida e Missão)
Neste momento de oração, contemple a ação de Deus em sua vida. Silencie e deixe a sua Palavra ressoar em seu coração. Resuma em uma frase ou palavra o que você vivenciou durante a leitura orante e, ao decorrer do dia, retome-a, para que ela gere vida em você.

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

[apss_share]