Oração diária Orai assim: Pai nosso...

Estimados irmãos venho aqui pedir a sua ajuda se possível for. Estamos fechando o mês e não vou conseguir pagar a mensalidade da divida do site referente ao servidor onde o site fica hospedado. Pra complicar minha situação tenho pai acamado. Diante das dificuldades que todos estamos passando compreendo o qto esta difícil para todos, mas se vc tiver a possibilidade de AJUDAR COM UMA DOAÇÃO sera de muita ajuda para diminuir as dividas. .Clique aqui para Doar

11ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

18 de junho de 2020

ORAÇÃO DO DIA

Espírito do Pai, leva-me a transformar em vida a minha oração, e a descobrir, na oração, o sentido da minha vida.

PRIMEIRA LEITURA: Eclo 48,1-15

Leitura do Livro do Eclesiástico – 1O profeta Elias surgiu como um fogo, e sua palavra queimava como uma tocha. 2Fez vir a fome sobre eles e, no seu zelo, reduziu-os a pouca gente. 3Pela palavra do Senhor fechou o céu e de lá fez cair fogo por três vezes. 4Ó Elias, como te tornaste glorioso por teus prodígios! Quem poderia gloriar-se de ser semelhante a ti?
5Tu, que levantaste um homem da morte e dos abismos, pela palavra do Senhor; 6tu, que precipitaste reis na ruína e fizeste cair do leito homens ilustres; 7tu, que ouviste censuras no Sinai e decretos de vingança no Horeb. 8Tu ungiste reis, para tirar vingança, e profetas, para te sucederem; 9tu foste arrebatado num turbilhão de fogo, um carro de cavalos também de fogo, 10tu, nas ameaças para os tempos futuros, foste designado para acalmar a ira do Senhor antes do furor, para reconduzir o coração do pai ao filho, e restabelecer as tribos de Jacó.
11Felizes os que te viram, e os que adormeceram na tua amizade! 12Nós também, com certeza, viveremos; mas, após a morte, não será tal o nosso nome. 13Apenas Elias foi envolvido no turbilhão, Eliseu ficou repleto do seu espírito. Durante a vida não temeu príncipe algum, e ninguém o superou em poder. 14Nada havia acima de suas forças, e, até já morto, seu corpo profetizou. 15Durante a vida realizou prodígios e, mesmo na morte, suas obras foram maravilhosas. – Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 97(96)

    — Ó justos, alegrai-vos no Senhor!
— Ó justos, alegrai-vos no Senhor!

— Deus é Rei! Exulte a terra de alegria, e as ilhas numerosas reju­bilem! Treva e nuvem o rodeiam no seu trono, que se apóia na justiça e no direito.

— Vai um fogo caminhando à sua frente e devora ao redor seus inimigos. Seus relâmpagos clareiam toda a terra; toda a terra ao contemplá-los estremece.

— As montanhas se derretem como cera ante a face do Senhor de toda a terra; e assim proclama o céu sua justiça, todos os povos podem ver a sua glória.

— “Os que adoram as estátuas se envergonhem e os que põem a sua glória nos seus ídolos; aos pés de Deus vêm se prostrar todos os deuses!”

EVANGELHO: Mt 6,7-15

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 7“Quando orardes, não useis muitas palavras, como fazem os pagãos. Eles pensam que serão ouvidos por força das muitas palavras. 8Não sejais como eles, pois vosso Pai sabe do que precisais, muito antes que vós o peçais. 9Vós deveis rezar assim: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; 10venha o teu Reino; seja feita a tua vontade, assim na terra como nos céus.
11O pão nosso de cada dia dá-nos hoje. 12Perdoa as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido. 13E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal. 14De fato, se vós perdoardes aos homens as faltas que eles cometeram, vosso Pai que está nos céus também vos perdoará. 15Mas, se vós não perdoardes aos homens, vosso Pai também não perdoará as faltas que vós come­testes”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Jesus ensina a conversar com o Pai. O Pai-Nosso contém tudo o que podemos dizer ao Pai, de forma sintética, que pode ser expandida. Somos seres humanos dependentes dos sentidos e da imaginação. Podemos, pois, procurar “métodos” que nos ajudem a rezar, lembrando-nos de que não é o método que faz a oração, mas ajuda. Podemos rezar juntos, com pessoas amigas que se expressam em voz alta; podemos rezar juntos em silêncio, diante do Santíssimo; podemos rezar sozinhos, de pé, ajoelhados, prostrados. Experimente recolher-se sozinho, em lugar afastado, sem ser visto por ninguém. Reze em voz alta, cante, grite, ande, sente-se, ponha-se à vontade diante de Deus. Fale com ele e procure escutá-lo. Crie silêncio dentro de si mesmo com exercícios de respiração e repetição pausada de uma frase do Pai-Nosso. Tome frase por frase do Pai-Nosso, repita e medite. Chore, se for o caso, e dê também uma boa risada. Como Adão e Eva no paraíso, ouça o passo do Senhor, que passeia no jardim à brisa do dia.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Hoje, quinta-feira, a Igreja nos pede que rezemos pelas vocações. Ao iniciarmos a nossa oração, apresentemos ao Senhor todos os vocacionados e vocacionadas. Peçamos a Deus que nos envie boas e santas vocações e que as luzes do Espírito Santo sempre nos iluminem.
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Leitura (Verdade)
No Evangelho de hoje, Jesus ensina seus discípulos o modo certo de orar. Não é necessário multiplicar palavras, mas falar com Deus como como se fala com um Pai, na intimidade e na confiança de filhos(as). Faça a leitura do texto quantas vezes julgar necessário e identifique seu tema central.

“Embora pouco acostumados com a religião oficial, os discípulos certamente conheciam longas orações. Como tinham dúvidas sobre este tipo de oração, eles pedem: “Ensina-nos a orar”. O Pai-Nosso é a melhor oração e síntese do Reino de Deus. Ele nos fala das coisas do Pai e da necessidade dos filhos. Na primeira parte falamos do Nome, do Reino e da Vontade do Pai. Na outra parte, lembrando nossa pobreza, pedimos o pão de cada dia, o perdão das ofensas e a capacidade de perdoar. Pedimos ainda que ele nos ajude nas tentações e nos liberte de todo mal. Não basta rezar o Pai-Nosso, precisamos viver no dia a dia esta oração. É a relação carinhosa envolvendo o Pai e seus filhos. Mais que as palavras, importa o coração.” (Viver a Palavra – 2020. Frei Aldo Colombo – Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
Assim reza o salmista: “Eu clamo a ti, ó Deus meu, pois tu me respondes; inclinas para mim os teus ouvidos e ouves a minha oração.” (cf Sl 17,6). Quando rezo meu ouvido está inclinado para Deus, para criar esta relação de ouvido a ouvido? Silencio e examino minha consciência, revejo minhas ações, confronto minhas atitudes com a mensagem de Jesus.

Oração (Vida)
Aproxime-se do Senhor e deixe seu coração falar com Deus. O que você quer lhe dizer?
Rezo em gratidão a Deus pela vida e exponha-lhe minhas preocupações. Falo com Deus das fragilidades humanas (lembro as classes menos favorecidas, as que exercem responsabilidade com o povo) e peço a graça de crescer sempre mais na intimidade com Ele.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Identifique o sentimento que predomina em seu coração neste momento. O que o Senhor lhe pede para viver?

Bênção
“Aos irmãos, a paz, o amor e a fé, da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo.
A graça esteja com todos aqueles que amam nosso Senhor Jesus Cristo com amor perene.” (Ef 6,23-24)

Ir. Carmen Maria Pulga

Confira a Homilia dominical.Clique aqui

[apss_share]