Liturgia diária, O fermento dos fariseus é a hipocrisia - Lc 12,1-7

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !

28ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

20 de outubro de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Senhor Jesus, livra-me de seguir os maus exemplos, nem permitas que eu imite quem se comporta de maneira incompatível com a vontade do Pai.

PRIMEIRA LEITURA: Rm 4,1-8

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos – Irmãos, 1que vantagem diremos ter obtido Abraão, nosso pai segundo a carne? 2Pois se Abraão se tornou justo em virtude das obras, está aí seu motivo de glória… mas não perante Deus! 3Com efeito, que diz a Escritura? “Abraão creu em Deus, e isso lhe foi creditado como justiça”. 4Ora, para quem faz um trabalho, o salário não é creditado como um presente gratuito, mas como uma dívida. 5Porém, para a pessoa que, em vez de fazer um trabalho, crê naquele que torna justo o ímpio, a sua fé lhe é creditada como atestado de justiça. 6É assim que Davi declara feliz o homem a quem Deus credita a justiça independentemente das obras: 7“Felizes aqueles cujas transgressões foram remidas e cujos pecados foram perdoados; 8feliz o homem do qual Deus não leva em conta o pecado”.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 31

          — Vós sois para mim

proteção e refúgio, eu canto bem alto a vossa salvação.
— Vós sois para mim proteção e refúgio, eu canto bem alto a vossa salvação.

— Feliz o homem que foi perdoado e cuja falta já foi encoberta! Feliz o homem a quem o Senhor não olha mais como sendo culpado, e em cuja alma não há falsidade!

— Eu confessei, afinal, meu pecado, e minha falta vos fiz conhecer. Disse: “eu irei confessar meu pecado!” E perdoastes, Senhor, minha falta”.

— Regozijai-vos, ó justos, em Deus, e no Senhor exultai de alegria! Corações retos, cantai jubilosos!

EVANGELHO: Lc 12,1-7

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, 1milhares de pessoas se reuniram, a ponto de uns pisarem os outros. Jesus começou a falar, primeiro a seus discípulos: “Tomai cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. 2Não há nada de escondido que não venha a ser revelado, e não há nada de oculto que não venha a ser conhecido.

/> 3Portanto, tudo o que tiverdes dito na escuridão, será ouvido à luz do dia; e o que tiverdes pronunciado ao pé do ouvido, no quarto, será proclamado sobre os telhados.
4Pois bem, meus amigos, eu vos digo: não tenhais medo daqueles que matam o corpo, não podendo fazer mais do que isto. 5Vou mostrar-vos a quem deveis temer: temei aquele que, depois de tirar a vida, tem o poder de lançar-vos no inferno.
Sim, eu vos digo, a este temei. 6Não se vendem cinco pardais por uma pequena quantia? No entanto, nenhum deles é esquecido por Deus. 7Até mesmo os cabelos de vossa cabeça estão todos contados. Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

O fermento dos fariseus é a hipocrisia. Cuidado, pois, com os hipócritas de hoje. A prática religiosa é muito propícia à hipocrisia. Pode-se ter aparência de cordeiro e voz de dragão, como

se lê no Apocalipse. Celebram-se os atos religiosos solenes com um coração de pedra. “Façam o que dizem e não façam o que fazem” não deve valer para quem conheceu Jesus e seu Evangelho. O que está escondido será conhecido. A nossa verdade será revelada um dia, assim como a verdade da Palavra de Deus, que pode permanecer oculta por um tempo, mas acabará sendo proclamada nos telhados. Nós valemos muito diante de Deus, e seus discípulos missionários contam com a sua proteção. Não tenhamos medo de nada e de ninguém. Não tenhamos medo de quem só pode matar o corpo. Proclamemos em voz alta a Palavra meditada no silêncio.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Para fazermos uma boa oração, é sempre importante nos colocarmos em atitude de silêncio. Procure, se possível, um ambiente que lhe favoreça esse silêncio. Iniciemos nossa oração em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! “Ó divino Espírito, ensina-me tudo quanto Jesus ensinou. Dá-me inteligência para entender; memória para lembrar; vontade dócil para praticar; coração generoso para corresponder aos teus convites. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? “Cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Não há nada de oculto que não venha a ser revelado, e não há nada de escondido que não venha a ser conhecido.” Faça a leitura do Evangelho quantas vezes julgar necessário, destacando os verbos que aparecem durante a narrativa.

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? Leia o Evangelho novamente e faça a sua meditação. Durante a leitura, deixe-se tocar pela Palavra, assimilando-a e ligando-a à sua vida. Escute o que o Senhor lhe diz e faça a sua meditação.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Neste momento, coloque-se diante de Deus, que se faz presente também por meio de sua Palavra, e faça a sua oração sem medo. Deus, que o(a) chamou à vida, deseja sempre escutá-lo(a), e na oração você é convidado(a) a falar com Ele. Reze com o Senhor.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Faça uma síntese da Palavra de Deus, para vivê-la neste dia.

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

[apss_share]