Oração diária Sede imitadores de Jesus

14ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

11 de julho de 2020

ORAÇÃO DO DIA

Pai, que a perseguição malvada dos que pretendem levar-me a ser infiel à missão recebida de Jesus jamais me impeça de seguir adiante, com coragem.

PRIMEIRA LEITURA: Is 6,1-8

Leitura do Livro do Profeta Isaías – 1No ano da morte do rei Ozias, vi o Senhor sentado num trono de grande altura; o seu manto estendia-se pelo templo. 2Havia serafins de pé a seu lado; cada um tinha seis asas, duas cobriam-lhes o rosto, duas, os pés e, com duas, eles podiam voar.
3Eles exclamavam uns para os outros: “Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos; toda a terra está repleta de sua glória”. 4Ao clamor dessas vozes, começaram a tremer as portas em seus gonzos e o templo encheu-se de fumaça. 5Disse eu então: “Ai de mim, estou perdido! Sou apenas um homem de lábios impuros, mas eu vi com meus olhos o rei, o Senhor dos exércitos”.
6Nisto, um dos serafins voou para mim, tendo na mão uma brasa, que retirara do altar com uma tenaz, 7e tocou minha boca, dizendo: “Assim que isto tocou teus lábios, desapareceu tua culpa, e teu pecado está perdoado”. 8Ouvi a voz do Senhor que dizia: “Quem enviarei? Quem irá por nós? Eu respondi: “Aqui estou! Envia-me”. – Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 92

— Reina o Senhor, revestiu-se de esplendor.
— Reina o Senhor, revestiu-se de esplendor.

— Deus é Rei e se vestiu de majestade, revestiu-se de poder e esplendor!

— Vós firmastes o universo inabalável, vós firmastes vosso trono desde a origem, desde sempre, ó Senhor, vós existis!

— Verdadeiros são os vossos testemunhos, refulge a santidade em vossa casa, pelos séculos dos séculos, Senhor!

EVANGELHO:  Mt 10,24-33

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 24“O discípulo não está acima do mestre, nem o servo acima do seu senhor. 25Para o discípulo, basta ser como o seu mestre, e para o servo, ser como o seu senhor. Se ao dono da casa eles chamaram de Belzebu, quanto mais aos seus familiares!
26Não tenhais medo deles, pois nada há de encoberto que não seja revelado, e nada há de escondido que não seja conhecido. 27O que vos digo na escuridão, dizei-o à luz do dia; o que escutais ao pé do ouvido, proclamai-o sobre os telhados! 28Não tenhais medo daqueles que matam o corpo, mas não podem matar a alma! Pelo contrário, temei aquele que pode destruir a alma e o corpo no inferno!
29Não se vendem dois pardais por algumas moedas? No entanto, nenhum deles cai no chão sem o consentimento do vosso Pai. 30Quanto a vós, até os cabelos da cabeça estão todos contados. 31Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais.
32Portanto, todo aquele que se declarar a meu favor diante dos homens, também eu me declararei em favor dele diante do meu Pai que está nos céus. 33Aquele, porém, que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai que está nos céus

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Continua o Discurso de Jesus aos discípulos missionários. Ele é o Mestre, enfrentou a vida e morreu na cruz. Quis morrer debaixo de holofotes, quando poderia ter morrido como Santo Atanásio, de quem se diz que “em sua caminha adormeceu no Senhor”. Por isso canta o povo, ao meditar a paixão do Senhor, que “um cristão não é de rosas que se deve coroar”, mesmo sabendo que roseira tem espinhos. “Não tenham medo!”, diz Jesus três vezes. O anúncio será feito, a Palavra será conhecida, será proclamada nos telhados. Depois que tudo passar, Jesus vai se declarar pelo discípulo diante do Pai. Não é alienação. É esperança animada pela fé na causa abraçada.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
“Senhor Jesus, nós vos agradecemos porque sois o Mestre de nossa vida e de toda a humanidade e nos convidais a seguir-vos. Que vossas palavras penetrem profundamente em nosso coração para que tenhamos coragem de mudar o que deve ser mudado em nossa vida e confirmar o que deve ser confirmado, de modo que possamos evangelizar os que desejam vos conhecer e amar.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? A quem Jesus está instruindo? Qual é o contexto da narrativa? Com quais disposições os discípulos são convidados a realizar a missão? “Para o discípulo, basta ser como o seu mestre, e para o servo, ser como o seu senhor.” O que significa isso?

“Quando o Menino Jesus tinha apenas oito dias, o velho Simeão profetizou que ele seria sinal de contradição, ruína ou salvação. Ao longo da vida pública, suas atitudes foram atribuídas ao poder de Satanás. Por fim, foi condenado e morreu na cruz. Esta é a sina dos discípulos. Mesmo assim, eles não devem se atemorizar ou bater em retirada. Pelo contrário, devem apelar para a ousadia: “pregar sobre os telhados”. A perseguição é uma constante na vida da Igreja e de seus discípulos, ontem e hoje. Mas o mal não terá a última palavra. O Pai, que cuida dos pardais, cuidará de cada um dos seus filhos e filhas, de quem conhece até o número de fios de cabelos. O Pai conhece e cuida dos seus.” (Viver a Palavra – 2020. Frei Aldo Colombo – Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim? Que luz Jesus me revela, com sua pessoa e sua mensagem? De que maneira esta passagem me compromete? O que ela me pede? Quais sentimentos a palavra despertou em mim?

Oração (Vida)
“Senhor Jesus, tu és o Caminho. Em meio a sombras e luzes, alegrias e esperanças, tristezas e angústias, Tu nos levas ao Pai. Não nos deixes caminhar sozinhos. Fica conosco, Senhor! Tu és a Verdade. Desperta nossas mentes e faze arder nossos corações sedentos de justiça e santidade. Ajuda-nos a sentir a beleza de crer em Ti. Fica conosco, Senhor! Tu és a Vida. Abre nossos olhos para Te reconhecermos no ‘partir o Pão’, sublime sacramento da Eucaristia. Alimenta-nos com o Pão da Unidade. Sustenta-nos em nossos sofrimentos, faze-nos solidários com os pobres, os oprimidos e excluídos. Fica conosco, Senhor! Jesus Cristo, Caminho, Verdade e Vida, no vigor do Espírito Santo, faze-nos teus discípulos missionários. Com a humilde serva do Senhor, nossa Mãe Aparecida, queremos ser alegres no caminho para a Terra Prometida. Corajosas testemunhas da Verdade libertadora. Promotores da vida em plenitude. Fica conosco, Senhor! Amém” (Oração composta pela Arquidiocese de Brasília).

Contemplação (Vida e Missão)
“O discípulo não está acima do mestre, nem o servo acima do seu senhor. Para o discípulo, basta ser como o seu mestre, e para o servo, ser como o seu senhor…Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais.

Com a Palavra de Deus na mente e no coração, o que você se propõe a viver hoje?

Bênção
O Senhor Jesus Cristo esteja ao meu lado para me sustentar,
Dentro de mim para me encorajar,
Diante de mim para me orientar,
Atrás de mim para me proteger,
Acima de mim para me abençoar.
Ele que vive e reina pelos séculos dos séculos. Amém.
Que a bênção de Deus Pai de amor e bondade desça sobre mim, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Ir. Carmen Maria Pulga

Confira a Homilia dominical.Clique aqui

[apss_share]