Oração diária, Tira primeiro a trave do teu próprio olho - Mt 7,1-5

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho:  Mt 7,1-5

Deus nos julga com a mesma medida que usamos para os outros. Julgar o próximo é nos colocarmos como referência. Isso significa desconhecer nossas fraquezas

Façamos a oração do dia: Pai, livra-me de julgar meus semelhantes de maneira severa e impiedosa. Que eu seja misericordioso com eles, assim como és misericordioso comigo.

São Luíz Gonzaga – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 21 de junho de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Gn 12,1-9  

Leitura do Livro do Gênesis.

Naqueles dias, 1o Senhor disse a Abrão: “Sai da tua terra, da tua família e da casa do teu pai, e vai para a terra que eu te vou mostrar. 2Farei de ti um grande povo e te abençoarei: engrandecerei o teu nome, de modo que ele se torne uma bênção. 3Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; em ti serão abençoadas todas as famílias da terra!”

4E Abrão partiu, como o Senhor lhe havia dito, e Ló foi com ele. Tinha Abrão setenta e cinco anos, quando partiu de Harã. 5Ele levou consigo sua mulher Sarai, seu sobrinho Ló e todos os bens que possuíam, bem como todos os escravos que haviam adquirido em Harã. Partiram rumo à terra de Canaã e ali chegaram.

6Abrão

atravessou o país até o santuário de Siquém, até o carvalho de Moré. Os cananeus estavam então naquela terra. 7O Senhor apareceu a Abrão e lhe disse: “Darei esta terra à tua descendência”. Abrão ergueu ali um altar ao Senhor que lhe tinha aparecido.

8De lá, deslocou-se em direção ao monte que estava a oriente de Betel, onde armou sua tenda, com Betel a ocidente e Hai a oriente. Ali construiu também um altar ao Senhor, e invocou o seu nome. 9Depois, de acampamento em acampamento, Abrão foi até o Negueb.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 33(32)

— Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!

— Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!

— Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança! Dos altos céus o Senhor olha e observa; ele se inclina para olhar todos os homens.

— Mas o Senhor pousa o olhar sobre os que o temem, e que confiam esperando em seu amor, para da morte libertar as suas vidas e alimentá-los quando é tempo de penúria.

No Senhor nós esperamos confiantes, porque ele é nosso auxílio e proteção! Sobre nós venha, Senhor, a vossa graça, da mesma forma que em vós nós esperamos!

EVANGELHO:  Mt 7,1-5

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo disse Jesus aos seus discípulos: 1“Não julgueis e não sereis julgados. 2Pois, vós sereis julgados com o mesmo julgamento com que julgardes; e sereis medidos, com a mesma medida com que medirdes.

3Por que observas o cisco no olho do teu irmão, e não prestas atenção à trave que está no teu próprio olho? 4Ou, como podes dizer a teu irmão: ‘Deixa-me tirar o cisco do teu olho’, quando tu mesmo tens uma trave no teu? 5Hipócrita, tira primeiro a trave do teu próprio olho e então enxergarás bem para tirar o cisco do olho do teu irmão”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

Se tiver que falar de alguém, fale bem. Uma frase latina antiga dizia: “Dos mortos, a não ser o bem”, significando que dos mortos só se fala o bem, ou que não se deve falar mal dos mortos. Na realidade, há situações nas quais a morte é a solução de muitos problemas. Mas por que não aplicar aos vivos o que a frase diz dos mortos? Fale bem de quem está vivo, respeite o direito que temos todos à boa fama, não invente e, menos ainda, jamais calunie alguém. Por que inventaria eu alguma coisa contra alguém? Por vingança? Por inveja? Por ganância? A língua solta põe fogo no mundo, diz São Tiago. Com o mau-olhado reparamos na vida alheia, com a mente julgamos os outros e com a língua fazemos comentários indevidos. Diz ainda São Tiago que “com a mesma língua que bendizemos o Senhor, maldizemos os homens feitos à semelhança de Deus”.

Estamos no pé da montanha ouvindo o sermão de Jesus. Ele nos oferece um programa de vida cheio de sabedoria. Ele nos ensina a viver tranquilamente neste mundo e a prestar contas da nossa vida no juízo final com uma medida larga, a mesma que usamos para medir os outros aqui na terra. Abrace, ande junto, seja amigo. Você é daquele tipo que se basta a si mesmo? Não é o roto falando do rasgado?

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Abramo-nos à ação do Espírito Santo que reza em nós, dizendo: “Ó divino Espírito, ensina-me tudo quanto Jesus ensinou. Dá-me inteligência para entender; memória para lembrar; vontade dócil para praticar; coração generoso para corresponder aos teus convites. Amém.”

Leitura (Verdade)

Leia o texto do evangelho com calma e silenciosamente. Depois, leia-o novamente em voz alta e pausadamente, repetindo as palavras que mais chamaram sua atenção. Quais as fortes recomendações de Jesus?

“Deus nos julga com a mesma medida que usamos para os outros. Julgar o próximo é colocar a nós mesmos como referência. Isso significa desconhecer nossas fraquezas e limitações diante de Deus. Devemos nos preocupar com o irmão e, sempre que possível, ajudá-lo em sua caminhada. Por vezes, falamos em correção fraterna. Talvez a expressão mais apropriada seja: entre ajuda. É um diálogo de mão dupla: falamos e escutamos. Por vezes existem três diferentes pontos de vista: a minha opinião, a opinião do outro e a opinião verdadeira. A oração e o exame de consciência iluminam as atitudes: as nossas e as dos outros. Podemos sempre errar, mas, quando isso acontecer, que nosso erro favoreça a misericórdia.”

Meditação (Caminho)

A oração e o exame de consciência iluminam as atitudes: as nossas e as dos outros. Tenho a prática de examinar minhas atitudes à luz da fé, à luz do Evangelho? Enxergo primeiro e severamente o cisco no olho do irmão e não observo a trave em meu olho? Como é minha sensibilidade e coerência nesse sentido?

Oração (Vida)

“Jesus, divino Mestre, nós vos adoramos, Filho muito amado do Pai, Caminho único para chegarmos a Ele. Nós vos louvamos e agradecemos porque sois o exemplo que devemos seguir. Queremos aprender de Vós o modo de ver, julgar e agir. Queremos ser atraídos por Vós, para que, caminhando nas vossas pegadas, possamos viver dia a dia a liberdade dos filhos de Deus e buscar em tudo a vontade do Pai. Aumentai nossa esperança, impulsionando o nosso ser e o nosso agir. Ajudai-nos a retratar em nossa vida a vossa imagem. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

contemplando as três recomendações: ““Não julgueis, e não sereis julgados. Pois com o mesmo julgamento com que julgardes os outros sereis julgados; e a mesma medida que usardes para os outros servirá para vós. ” Em qual dessas recomendações eu sinto que preciso ter maior vigilância no meu cotidiano? Como quero melhorar esta atitude, na prática, hoje?

Bênção

Deus Pai do céu te abençoe e te cuide
Que Ele esteja na tua frente para te mostrar o caminho correto.
Atrás de ti para te sustentar em todos os desafios
Acima de ti para te proteger contra os perigos que vem do alto
Que Deus esteja em teu coração como chama ardente, e que a luz dele ilumine tua vida e te aqueça para a virtude.
Que Ele te cerque por todos os lados e não permita que te afastes dele. Amém.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !