Liturgia diária Jesus realiza muitos sinais - Jo 6,30-35

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !

3ª Semana da Páscoa – Ano Litúrgico A

02 de maio de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Pai, dá-me sensibilidade para perceber que a presença de Jesus, na nossa história, é a grande obra que realizaste: dar-nos a vida eterna.

PRIMEIRA LEITURA: At 7,51-8,1a

Leitura dos Atos dos Apóstolos – Naqueles dias, Estêvão disse ao povo, aos anciãos e aos doutores da lei: 51“Homens de cabeça dura, insensíveis e incircuncisos de coração e ouvido! Vós sempre resististes ao Espírito Santo e como vossos pais agiram, assim fazeis vós! 52A qual dos profetas vossos pais não perseguiram? Eles mataram aqueles que anunciavam a vinda do Justo, do qual, agora, vós vos tor¬nastes traidores e assassinos. 53Vós recebestes a Lei, por meio de anjos, e não a observastes!”
54Ao ouvir essas palavras, eles ficaram enfurecidos e rangeram os dentes contra Estêvão. 55Estêvão, cheio do Espírito Santo, olhou para a céu e viu a glória de Deus e Jesus, de pé, à direita de Deus. 56E disse: “Estou vendo o céu aberto, e o Filho do Homem, de pé, à direita de Deus”.
57Mas eles, dando grandes gritos e, tapando os ouvidos, avançaram todos juntos contra Estêvão; 58arrastaram-no para fora da cidade e começaram a apedrejá-lo. As testemunhas deixaram suas

vestes aos pés de um jovem, chamado Saulo. 59Enquanto o apedrejavam, Estêvão clamou dizendo: “Senhor Jesus, acolhe o meu espírito”. 60Dobrando os joelhos, gritou com voz forte: “Senhor, não os condenes por este pecado”. E, ao dizer isto, morreu. 8,1aSaulo era um dos que aprovavam a execução de Estêvão.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 30

          — Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito.
— Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito.

— Sede uma rocha protetora para mim, um abrigo bem seguro que me salve! Sim, sois vós a minha rocha e fortaleza; por vossa honra orientai-me e conduzi-me!

— Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito, porque vós me salvareis, ó Deus fiel! Quanto a mim, é ao Senhor que me confio, vosso amor me faz saltar de alegria.

— Mostrai serena a vossa face ao vosso servo e salvai-me pela vossa compaixão! Na proteção de vossa face os defendeis bem longe das intrigas dos mortais.

EVANGELHO: Jo 6,30-35

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho

de Jesus Cristo † segundo São João.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, a multidão perguntou a Jesus: 30Que sinal realizas, para que possamos ver e crer em ti? Que obras fazes? 31Nossos pais comeram o maná no deserto, como está na Escritura: ‘Pão do céu deu-lhes a comer’”.
32Jesus respondeu: “Em verdade, em verdade vos digo, não foi Moisés quem vos deu o pão que veio do céu. É meu Pai que vos dá o verdadeiro pão do céu. 33Pois o pão de Deus é aquele que desce do céu e dá vida ao mundo”.
34Então pediram: “Senhor, dá-nos sempre desse pão”. 35Jesus lhes disse: “Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim nunca mais terá sede”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

No corpo do discurso de Jesus sobre o Pão da Vida, no capítulo sexto de São João, conversando com as pessoas

em Cafarnaum, Jesus diz que elas o procuram não por causa do sinal, mas porque comeram pão. Elas deviam buscar o alimento que não se perde e que ele mesmo vai dar. Tem início assim o diálogo sobre o Pão da Vida. Apesar dos sinais já feitos, pedem ainda a Jesus que dê um sinal para poderem acreditar nele, e lembram que no deserto Moisés deu ao povo o maná, pequenos flocos que eram moídos e assados ou cozidos. Parece uma insistência para que Jesus continue dando pão de graça. Na verdade, diz Jesus, não foi Moisés quem deu o maná. Foi o Pai, o meu Pai, aquele que dá o verdadeiro Pão do Céu, o Pão que dá vida ao mundo. Como num refrão cantado pelo coro, ouve-se a voz do povo dizendo: “Senhor, dá-nos sempre desse pão”. E Jesus: “Eu sou o Pão da Vida. Quem vem a mim não mais terá fome. Quem crê em mim, não terá sede”. O evangelista São João coloca Jesus no centro, não só na vida da Igreja, mas na vida do mundo. Ele é o polo de atração para o universo inteiro. Todos podem ir a ele. Com ele, a serviço deste universo está a comunidade de fé. Jesus ensinava na sinagoga de Cafarnaum.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Iniciemos a nossa oração lembrando Santo Atanásio, um defensor da divindade de Cristo. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! Peçamos ao Espírito Santo, por intermédio da Rainha de Pentecostes, a sabedoria para compreender a Palavra de Deus. “Divino Espírito Santo, renovai em nós o fogo do vosso amor.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? Jesus, no Evangelho de hoje, revela quem nos dá o pão do céu, aquele que sacia toda fome do ser humano. Faça a leitura do Evangelho, mais de uma vez, e procure identificar os ensinamentos que Jesus lhe transmite por meio dessa Palavra. Destaque os pontos que mais lhe chamaram atenção e reflita sobre eles, para compreender melhor a narrativa.

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? O Evangelho conta que, mesmo com vários sinais já realizados, as pessoas pedem a Jesus que lhes dê mais um sinal para que acreditem nele. Jesus lhes responde, então, que Ele é o sinal maior, o pão da vida. O que Deus diz a você? Releia o texto e procure escutar o Senhor.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Aproxime-se do Senhor e faça a sua oração com a Palavra. Guarde-a em seu interior e revele a Deus o que há em sua mente e em seu coração. Apresente-lhe sua realidade e a realidade daqueles que o(a) cercam.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? O que a Palavra o(a) convida a viver?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

[apss_share]