Liturgia diária, Ide, antes, às ovelhas perdidas - Mt 9,35-10,1.6-8

1ª do Advento – Ano Litúrgico A

07 de dezembro de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, que eu seja consciente de minha tarefa de levar a compaixão do Messias Jesus aos deserdados deste mundo, dando mostras de que o Reino se faz presente entre nós.

PRIMEIRA LEITURA: Is 30,19-21.23-26

Leitura do Profeta Isaías

Assim fala o Senhor, o Santo de Israel: 19Povo de Sião, que habitas em Jerusalém, não terás motivo algum para chorar: ele se comoverá à voz do teu clamor; logo que te ouvir, ele atenderá.
20O Senhor decerto dará a todos o pão da angústia e a água da aflição, não se apartará mais de ti o teu mestre; teus olhos poderão vê-lo 21e teus ouvidos poderão ouvir a palavra de aviso atrás de ti: “o caminho é este para todos, segui por ele”, sem desviar-vos à direita ou à esquerda.
23Ele te dará chuva para a semente que tiveres semeado na terra, e o fruto da terra será abundante e rico; nesse dia, o teu rebanho pastará em vastas pastagens,24teus bois e os animais que lavram a terra comerão forragem salgada, limpa com pá e peneira.
25Haverá em toda montanha alta e em toda colina elevada arroio de água corrente, num dia em que muitos serão mortos com o desabamento de seus torreões.
26A lua brilhará como a luz do sol e o sol brilhará sete vezes mais, como a luz de sete dias, no dia em que o Senhor curar a ferida de seu povo e fizer sarar a lesão de sua chaga.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 146 (147A)

         — O Senhor é minha luz e salvação.
— O Senhor é minha luz e salvação.

— O Senhor é minha luz e salvação; de quem eu irei ter medo? O Senhor é a proteção da minha vida; perante quem eu tremerei?

— Ao Senhor eu peço apenas uma coisa, e é só isso que eu desejo: habitar no santuário do Senhor por toda a minha vida; saborear a suavidade do Senhor e contemplá-lo no seu templo.

— Sei que a bondade do Senhor eu hei de ver na terra dos viventes. Espera no Senhor e tem coragem, espera no Senhor!

EVANGELHO: Mt 9,35–10,1.6-8

– O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 35Jesus percorria todas as cidades e povoados, ensinando em suas sinagogas, pregando o evangelho do Reino, e curando todo tipo de doença e enfermidade.
36Vendo Jesus as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam cansadas e abatidas, como ovelhas que não têm pastor. Então disse a seus discípulos: 37“A Messe é grande, mas os trabalhadores são poucos. 38Pedi pois ao dono da messe que envie trabalhadores para a sua colheita!”
10,1E, chamando os seus doze discípulos deu-lhes poder para expulsarem os espíritos maus e para curarem todo tipo de doença e enfermidade.
Enviou-os com as seguintes recomendações: 6“Ide, antes, às ovelhas perdidas da casa de Israel! 7Em vosso caminho, anunciai: ‘O Reino dos Céus está próximo’. 8Curai os doentes, ressuscitai os mortos, purificai os leprosos, expulsai os demônios. De graça recebestes, de graça deveis dar!”

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Olhamos para o alto, de onde virá a salvação do nosso Deus, e vemos aquele que teve compaixão do povo cansado e abatido. Curou doenças e enfermidades e teve pena de um povo abandonado por aqueles que deviam cuidar de suas doenças e enfermidades. É preciso pedir ao Senhor que mande trabalhadores para a sua colheita. Há muito o que fazer. O Reino dos Céus está próximo, o Senhor já está chegando. Vamos curar os doentes, ressuscitar os mortos, purificar os leprosos, expulsar os demônios. Quando Jesus vier, ele estabelecerá definitivamente o Reino. Então não precisaremos mais dos governantes deste mundo. O povo que viveu sem pastor terá o Bom Pastor à sua frente. Já não haverá cansaço nem abatimento. Isaías, o profeta do Advento, diz que o “povo não voltará a chorar”. O Senhor tratará as chagas do seu povo e curará as suas feridas. Agora comemos o pão da angústia, nesse dia veremos aquele que nos ensina.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
O evangelista Mateus hoje nos apresenta mais um traço característico de Jesus: sua compaixão pelas multidões desamparadas, sem liderança, sem rumo, sem objetivos que deem significado à vida. Jesus Mestre convoca os discípulos, e lhes dá poder, para curar, orientar, consolar, apoiar os desorientados e libertar todos os que sofrem. Unidos aos discípulos de Jesus, peçamos em oração:
“Pai querido, Deus de bondade e compaixão, dá-nos um coração semelhante ao vosso capaz de compreender e socorrer os que sofrem. Dá-nos abertura de mente e coração para socorrer sem julgar, oferecer sem esperar retorno e acompanhar com ternura os que sofrem por suas fragilidades”. Cantar ou rezar o refrão: “A tua ternura Senhor, vem me abraçar, a tua bondade infinita me perdoar. Vou ser o teu seguidor e te dar o meu coração, eu quero sentir o calor de tuas mãos.”

Leitura (Verdade)
Depois de ler este Evangelho e fazer minha oração com que olhar eu acolho os mais pobres, frágeis e desorientados?
“A ovelha é um animal muito frágil e não tem grandes meios de defesa. Uma ovelha sem pastor é presa fácil do lobo e de outros animais predadores. Jesus se enche de compaixão por muitas ovelhas ameaçadas. Ele não apenas tem compaixão, mas vai ao encontro delas, curando todo tipo de doenças. Pensando no presente e no futuro, Jesus aponta a necessidade de mais operários para a sua messe. Aos Doze delega sua autoridade, que, basicamente, é: expulsar o mal e restituir a plenitude de vida. No Pai-Nosso pedimos: “Venha a nós o vosso Reino”. Deus estabelece conosco uma parceria. Nós somos, agora, os braços, os pés, a voz, o coração do próprio Senhor. O Reino, de alguma maneira, assume nosso ritmo de trabalho e paixão.” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim? Dentro de minhas possibilidades como participo na missão de construir o Reino de justiça, misericórdia e bondade? Enxergo os necessitados em meu entorno? Quais são meus pensamentos e atitudes a esse respeito?

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva dizer a Deus? Na oração você é convidado(a) a conversar com Deus, a abrir seu coração e contar-lhe o que se passa com você. Apresente-lhe seus sentimentos, desejos, pedidos e as necessidades de seus irmãos e irmãs.

Contemplação (Vida e Missão)
De que forma você quer que a Palavra deste Evangelho enriqueça suas atitudes, hoje? O que você deseja por em prática, segundo os ensinamentos de Jesus?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas

[apss_share]