Oração diária Eu lhes enviarei profetas e apóstolos

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Lc 11,47-54

Façamos a oração do dia: Pai, que a compreensão de teu sábio plano de salvação para a humanidade me leve a estar atento às palavras de Jesus, o qual me indica o caminho para chegar a ti.

28ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 14 de outubro de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Rm 3,21-30  

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos.

Irmãos, 21agora, sem depender do regime da Lei, a justiça de Deus se manifestou, atestada pela Lei e pelos Profetas; 22justiça de Deus essa, que se realiza mediante a fé em Jesus Cristo, para todos os que têm a fé. Pois diante desta justiça não há distinção: 23todos pecaram e estão privados da glória de Deus, 24e a justificação se dá gratuitamente, por sua graça, em virtude da redenção realizada em Jesus Cristo.

25Deus destinou Jesus Cristo a ser, por seu próprio sangue, instrumento de expiação mediante a realidade da fé. Assim Deus mostrou sua justiça em ter deixado sem castigo os pecados cometidos outrora, 26no tempo de sua tolerância. Assim ainda ele demonstra sua justiça no tempo presente, para ser ele mesmo justo, e tornar justo aquele que vive a partir da fé em Jesus.

27Onde

estaria, então, o direito de alguém se gloriar? — Foi excluído. Por qual lei? Pela lei das obras? — Absolutamente não, mas, sim, pela lei da fé. 28Com efeito, julgamos que o homem é justificado pela fé, sem a prática da Lei judaica. 29Acaso Deus é só dos judeus? Não é também Deus dos pagãos? Sim, é também Deus dos pagãos. 30Pois Deus é um só.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 130(129)

— No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

— No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

— Das profundezas eu clamo a vós, Senhor, escutai a minha voz! Vossos ouvidos estejam bem atentos ao clamor da minha prece!

— Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir? Mas em vós se encontra o perdão, eu vos temo e em vós espero.

— No Senhor ponho a minha esperança, espero em sua palavra. A minh’alma espera no Senhor mais que o vigia pela aurora.

EVANGELHO: Lc 11,47-54

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse o Senhor: 47“Ai de vós, porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram. 48Com

isso, vós sois testemunhas e aprovais as obras de vossos pais, pois eles mataram os profetas e vós construís os túmulos.

49É por isso que a sabedoria de Deus afirmou: Eu lhes enviarei profetas e apóstolos, e eles matarão e perseguirão alguns deles, 50a fim de que se peçam contas a esta geração do sangue de todos os profetas, derramado desde a criação do mundo, 51desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o santuário. Sim, eu vos digo: serão pedidas contas disso a esta geração. 52Ai de vós, mestres da Lei, porque tomastes a chave da ciência. Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar”.

53Quando Jesus saiu daí, os mestres da Lei e os fariseus começaram a tratá-lo mal, e a provocá-lo sobre muitos pontos. 54Armavam ciladas, para pegá-lo de surpresa, por qualquer palavra que saísse de sua boca.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO
DO EVANGELHO

Três vezes Jesus se dirige aos Mestres da Lei e lhes diz: “Ai de vocês”, porque impõem aos outros fardos que vocês mesmos não carregam; porque constroem túmulos para os profetas que seus pais mataram; porque não entram e não deixam entrar os que querem. Multiplicam estatutos e regulamentos, conhecem o segredo da chave que abre a porta do Reino, mas não entram e não deixam os outros entrar. Tudo isso foi dito durante um almoço.

Jesus não fez o rito religioso de lavar as mãos, causando admiração ao fariseu que o convidara. A partir daí começaram as críticas. A fala de Jesus causa surpresa também a nós, que o lemos hoje. Ou ele está perdendo a compostura ou escribas e fariseus ultrapassaram as medidas. Não é de estranhar que começaram a perseguir Jesus, armando ciladas contra ele para pegá-lo em alguma palavra mal colocada.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Na escuta, meditação e contemplação da Palavra de Deus, acolhamos o Senhor que fala ao nosso coração. Ele nos recorda que o Pai sonda o nosso coração e nos conhece profundamente, por isso, de nada valem as aparências, a simples observância externa das obrigações.

Rezemos: “Senhor Jesus Cristo, envia sobre nós, como prometeste, teu Espírito Santo. Que Ele nos conceda a vida e nos ensine a plenitude da verdade. Que nele encontremos salvação, felicidade e plenitude de amor. Amém.”

Leitura (Verdade)

Observe no texto do Evangelho de hoje quais críticas Jesus faz aos escribas e fariseus? Quais são as leis mais importantes que devem ser praticadas, segundo o texto bíblico?

“A elite religiosa do tempo de Jesus – escribas, especialistas em leis – é confrontada com a realidade por Jesus. Eles apostam na Lei em seus mínimos detalhes. Mesmo que haja uma ligação com o passado, na atualidade essas tradições em nada contribuem para a caminhada religiosa do povo. A herança é antiga: “Vossos pais”, diz Jesus, “mataram os profetas e, depois, construíram para eles túmulos”. É o fermento do legalismo e da hipocrisia que eles cultivavam deliberadamente. E a chave da ciência, que está em suas mãos, não é útil para eles, e tentam impedir que outros façam bom proveito dela. Essa atitude de rebeldia terá suas consequências: eles precisarão prestar contas, porque corromperam a preciosa herança de Israel.”

Meditação (Caminho)

Não ser duro com os pequenos, nem submisso com os fortes. Ser capaz de dizer a verdade quando precisa ser dita, com amor e com prudência, sem julgamento.

Eu tenho medo de denunciar as injustiças e os desmandos dos poderosos, por causa do preço a pagar por essa atitude?
Sou capaz de fazer primeiro o que exijo dos outros?
Quais gestos Jesus me convida a viver?

Oração (Vida)

Apresente, confiante, a sua oração ao Senhor. Ele acolhe os nossos pedidos feitos com fé e sinceridade de coração. Estamos no mês missionário. Em sua oração, lembre-se dos missionários espalhados pelo mundo, que doam a sua vida a serviço do Reino.

Conclua com a oração missionária: “Deus Pai, Filho e Espírito Santo, nós vos louvamos e bendizemos pela vossa comunhão, princípio e fonte da missão. Ajudai-nos, à luz do Evangelho da paz, a testemunhar com esperança um mundo de justiça e diálogo, de honestidade e verdade, sem ódio e sem violência. Ajuda-nos a sermos irmãos e irmãs, seguindo Jesus Cristo, rumo ao Reino definitivo. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

O amor nos ajudará a acolher o sofrimento do irmão. Sintetize em poucas palavras o apelo que você sentiu em seu coração, para colocá-lo em prática durante o dia. O que você se propõe a viver, especialmente neste dia?

Bênção

A benção é dom de Deus, Ele é quem abençoa, e toda pessoa pode pedir a sua benção e também dá-la em nome de Deus, basta que acredite que ela aconteça. Normalmente quando dizemos: “Deus te abençoe”, estamos fazendo um pedido a Deus em favor de alguém. Os pais e as mães são os primeiros a interceder por seus filhos e filhas. Assim como em Nm 6,22-27, a invocação é feita a Deus, Ele é que abençoa. Pelo nosso sacerdócio comum dos fiéis, que recebemos pelo Batismo, podemos também pedir a Deus que ele nos abençoe.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !