Oração diária Sim, Pai, assim foi do teu agrado

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Mt 11,25-27

Jesus se alegra com a sabedoria do Pai e o louva por revelar-se aos pequeninos. Peçamos também ao Senhor que nos permita entender sua Palavra de vida.

Façamos a oração do dia: Pai, que a arrogância jamais contamine meu coração. E, fazendo-me pequenino, que eu esteja em condições de acolher a tua revelação.

15ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 14 de julho de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Ex 3,1-6.9-12 

Leitura do Livro do Êxodo.

Naqueles dias, 1Moisés apascentava o rebanho de Jetro, seu sogro, sacerdote de Madiã. Levou um dia, o rebanho deserto adentro e chegou ao monte de Deus, o Horeb. 2Apareceu-lhe o anjo do Senhor numa chama de fogo, do meio de uma sarça. Moisés notou que a sarça estava em chamas, mas não se consumia, e disse consigo: 3“Vou aproximar-me desta visão extraordinária, para ver por que a sarça não se consome”. 4O Senhor viu que Moisés se aproximava para observar e chamou-o do meio da sarça dizendo: “Moisés! Moisés!” Ele respondeu: “Aqui estou”. 5E Deus disse: “Não te aproximes! Tira as sandálias dos pés, porque o lugar onde estás é uma terra santa”. 6E acrescentou: “Eu sou o Deus de teus pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó”. Moisés cobriu o rosto, pois temia olhar para Deus. 9E

agora, o clamor dos filhos de Israel chegou até mim, e vi a opressão que os egípcios fazem pesar sobre eles. 10Mas vai, eu te envio ao Faraó, para que faças sair do Egito o meu povo, os filhos de Israel”. 11E Moisés disse a Deus: “Quem sou eu para ir ao Faraó e fazer sair os filhos de Israel do Egito?” 12Deus lhe disse: “Eu estarei contigo; e este será o sinal de que fui eu que te enviei: quando tiveres tirado do Egito o povo, vós servireis a Deus sobre esta montanha”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 103(102)

— O Senhor é indulgente, é favorável.

— O Senhor é indulgente, é favorável.

— Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e todo o meu ser, seu santo nome! Bendize, ó minha alma, ao Senhor, não te esqueças de nenhum de seus favores!

— Pois ele te perdoa toda culpa, e cura toda a tua enfermidade; da sepultura ele salva a tua vida e te cerca de carinho e compaixão.

O Senhor realiza obras de justiça e garante o direito aos oprimidos; revelou os seus caminhos a Moisés, e aos filhos de Israel, seus grandes feitos.

EVANGELHO: Mt 11,25-27

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

25Naquele tempo, Jesus pôs-se a dizer: “Eu te louvo, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondeste estas coisas aos sábios e entendidos e as revelaste aos pequeninos. 26Sim, Pai, porque assim foi do teu agrado. 27Tudo me foi entregue por meu Pai, e ninguém conhece o Filho, senão o Pai, e ninguém conhece o Pai, senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar”

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

A percepção dos fatos da vida pela sensibilidade que leva à admiração e ao conhecimento pode ser mais real em quem está no último lugar ou vê o mundo de baixo para cima. Aparentemente, a visão panorâmica de cima para baixo é mais abrangente. No último lugar é possível ter uma visão panorâmica em linha reta. Os pequeninos enxergam as bases, se posicionam nos fundamentos, até embaixo das mesas.

Jesus,

porém, está falando de pequeninos que receberam a revelação do Pai em contraposição aos sábios e doutores. Não são pequeninos por estatura. Pequeninos são os que Deus escolhe e lhes revela os seus segredos. Estes são os escolhidos. Quanto ao conhecimento, uns o têm como ciência adquirida, outros como ciência infusa. Estes sabem por revelação. Os outros são os esforçados aos quais Deus concedeu inteligência a fim de estudarem os mistérios para a utilidade comum.

Santa Rosa de Lima, moça simples de pouca instrução, teve que se explicar diante dos Inquisidores da época, causando-lhes grande surpresa pelo conhecimento que demonstrou dos ensinamentos da fé cristã. Sabia por intuição divina. Paulo diz aos gálatas que Deus se dignou revelar nele o seu Filho Jesus Cristo, e afirma que foi a Jerusalém se explicar aos apóstolos “em virtude de uma revelação”. Historicamente, pequeninos seriam os discípulos. Sábios e entendidos, os escribas e fariseus.Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

No Evangelho de hoje, Jesus se alegra com a sabedoria do Pai e o louva por revelar-se aos pequeninos. Peçamos também ao Senhor que nos permita entender sua Palavra de vida.
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!
Rezemos: Vinde, ó Espírito Santo, dai-nos a sabedoria dos simples e nutri nossos corações com vosso amor.

Leitura (Verdade)

O que diz o texto bíblico? Faça a leitura do Evangelho pausadamente. Detenha-se na oração de Jesus: quais palavras mais se destacam? Qual é o motivo do louvor feito na oração? Como é a relação entre Jesus e o Pai revelada no texto?

“Sinal de contradição, Jesus viu sua mensagem ser rejeitada por pessoas e comunidades inteiras. A recusa parte dos “sábios e entendidos” que tiveram maiores possibilidades de entender e acolher a Boa-Nova. Seus corações, dominados pela autossuficiência, não abriram espaço para a sabedoria divina. Por outro lado, os últimos – pequenos, pobres, pecadores – acolheram com júbilo a Boa-Nova da salvação. Aí se inclui o perdão e uma vida nova. As palavras de Jesus são confirmadas, ao longo da história, por santos e santas que assumiram a espiritualidade de crianças. São Francisco, Santa Catarina de Sena, Santa Teresinha são exemplos luminosos. Em nosso dia a dia, em nossas famílias, também encontramos sábios e santos.” 

Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim? Meu coração é aberto à Boa-Nova do Reino? Deixo-me guiar por sua luz, sua palavra? Dialogue com a Palavra que você acabou de ler e procure perceber os apelos que ela lhe faz.

Oração (Vida)

O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Neste momento de sua oração, aproxime-se do Senhor sem medo e peça-lhe que renove em você os dons do Espírito Santo, para que assim reze melhor. Apresente-lhe seus pedidos, louvores e preces. Se desejar Louve com o salmista:

“Nossa esperança está no Senhor; Ele é o nosso auxílio e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu santo nome. Esteja sobre nós o teu amor, Senhor, como está em ti a nossa esperança.” (Salmo 33, 20-22)

Contemplação (Vida e Missão)

Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Que palavra do Evangelho se tornará vida em sua vida neste dia?

Bênção

O Senhor Jesus Cristo esteja ao meu lado para me sustentar,
Dentro de mim para me encorajar,
Diante de mim para me orientar,
Atrás de mim para me proteger,
Acima de mim para me abençoar.
Ele que vive e reina pelos séculos dos séculos. Amém.
Que a bênção de Deus Pai de amor e bondade desça sobre mim e sobre toda a humanidade, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !