Oração diária, O fermento leveda toda a massa - Mc 8,14-21

A liturgia : Os fariseus querem sinais do céu. Herodes teme perder o poder. Os discípulos estão na mesma mentalidade.

Façamos a oração do dia: Pai, reforça minha fé na tua providência paterna que se manifestou de tantos modos em minha vida, e livra-me de colocar minha esperança nas coisas deste mundo.

6ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico C

Liturgia do dia 15 de fevereiro de 2022

PRIMEIRA LEITURA: Tg 1,12-18

Leitura da Carta de São Tiago.

12Feliz o homem que suporta a provação. Porque, uma vez provado, receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu àqueles que o amam.

13Ninguém, ao ser tentado, deve dizer: “É Deus que me está tentando”, pois Deus não pode ser tentado pelo mal e tampouco ele tenta a ninguém. 14Antes, cada qual é tentado por sua própria concupiscência, que o arrasta e seduz. 15Em seguida, a concupiscência concebe o pecado e o dá à luz, e o pecado, uma vez consumado, gera a morte.

16Meus queridos irmãos, não vos enganeis. 17Todo dom precioso e toda dádiva perfeita vêm do alto; descem do Pai das luzes, no qual não há mudança, nem sombra de variação. 18De livre vontade ele nos gerou, pela Palavra da verdade, a fim de sermos como que as primícias de suas criaturas.

Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO  94(93) 

— Bem-aventurado é aquele a quem ensinais vossa lei!

— Bem-aventurado é aquele a quem ensinais vossa lei!

— É feliz, ó Senhor, quem formais e educais nos caminhos da Lei, para dar-lhe um alívio na angústia.

— O Senhor não rejeita o seu povo e não pode esquecer sua herança: voltarão a juízo as sentenças; quem é reto andará na justiça.

— Quando eu penso: “Estou quase caindo!” Vosso amor me sustenta, Senhor! Quando o meu coração se angustia, consolais e alegrais minha alma.

EVANGELHO:

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 14os discípulos tinham se esquecido de levar pães. Tinham consigo na barca apenas um pão. 15Então Jesus os advertiu: “Prestai atenção e tomai cuidado com o fermento dos fariseus e com o fermento de Herodes”.

16Os discípulos diziam entre si: “É porque não temos pão”. 17Mas Jesus percebeu e perguntou-lhes: “Por que discutis sobre a falta de pão? Ainda não entendeis e nem compreendeis? Vós tendes o coração endurecido? 18Tendo

olhos, não vedes, e tendo ouvidos, não ouvis? Não vos lembrais 19de quando reparti cinco pães para cinco mil pessoas? Quantos cestos vós recolhestes cheios de pedaços?”

Eles responderam: “Doze”. 20Jesus perguntou: E quando reparti sete pães com quatro mil pessoas, quantos cestos vós recolhestes cheios de pedaços? Eles responderam: “Sete”. 21Jesus disse: “E ainda não compreendeis?”

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

Não são apenas os fariseus que não entendem Jesus (Mc 8,11-13). Também os discípulos ainda não têm clareza se de fato o que Jesus faz revela a Deus. Eles estão preocupados com o pão, como os fariseus e os herodianos. Jesus adverte sobre essa lógica: o fermento. Já deviam ter aprendido com ele outra maneira de encarar a questão do pão. Jesus os levou à partilha que alimenta as multidões. Se eles tivessem aprendido a lição, não estariam preocupados.

O fermento dos fariseus e de Herodes é a maneira comum de encarar os fatos da vida. Os fariseus querem sinais do céu. Herodes teme perder o poder. Os discípulos estão na mesma mentalidade. Por isso, mesmo já estando há algum tempo com Jesus, ainda interpretam a vida pelos mesmos parâmetros dos fariseus e dos herodianos. Quem tem essa compreensão, não percebe nele a novidade de Deus. A Igreja deve se confrontar diariamente com a lógica de Jesus, que contrasta com a lógica do poder e do consumo.

id="h-leitura-orante">LEITURA ORANTE

Oração Inicial

Iniciemos a nossa oração pedindo ao Espírito Santo que nos ilumine, nos nutra com seu amor e sua sabedoria

Oremos: “Divino Espírito Santo, amor eterno do Pai e do Filho, rompe todo tipo de preconceito diante das pessoas necessitadas. Amém.”

Leitura (Verdade)

Faça a leitura do Evangelho quantas vezes julgar necessário e destaque os verbos e os personagens que aparecem no texto. Por que Jesus chama atenção para o fermento dos fariseus e de Herodes? Quais palavras chamaram sua atenção durante a leitura?

“Jesus disse aos discípulos que eles tivessem cuidado com o fermento dos fariseus e o fermento de Herodes. Claro, isso não tinha nada a ver com pão. Tinha a ver com o modo de agir dos fariseus e dos partidários de Herodes. Esse não era um fermento bom. Eles desprezavam o povo simples, viviam de aparência, carregavam o povo de obrigações e estavam atrás dos próprios interesses. O discípulo de Jesus não pode agir assim. Ele deve aprender com o Mestre que, particularmente, quando multiplicou o pão no deserto, agiu com compaixão, com espírito de serviço e de partilha e com confiança em Deus. Como discípulos do Senhor, aprendamos a agir como ele, não imitemos os falsos profetas de hoje.” 

Meditação (Caminho)

Este momento de meditação, retome o Evangelho, leia-o com muita atenção e deixe-se tocar por ele. Permita que Deus fale com você por meio do texto, pois a sua Palavra é Palavra de vida.
O que o texto diz para mim?
Jesus diz aos discípulos: “E vós ainda não compreendeis?”
Olhemos para nós mesmos e nos perguntemos o quanto a Palavra nos transforma.
Meu coração está aberto e dócil à Palavra?

Oração (Vida)

O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Tocado(a) pela Palavra, eleve sua oração ao Senhor. Apresente a Ele o seu pedido e suas intenções. Conclua rezando: “Senhor Deus, ajudai-nos a acolher e viver os ensinamentos de vosso Filho, que são palavras de vida eterna. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

Qual novo olhar nasceu em você a partir da Palavra? Quais apelos a Palavra despertou em seu coração? Quais compromissos você deseja assumir em sua vida?

Bênção

– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !