Liturgia diária, Dias virão em que não ficará pedra sobre pedra - Lc 21,5-11

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Lc 21,5-11

Façamos a oração do dia: Pai, teu Filho Jesus é sinal de tua presença no meio da humanidade. Que eu saiba acolhê-lo como manifestação de tua misericórdia, e só nele colocar toda a minha segurança.

34ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 23 de novembro de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Dn 2,31-45 

Leitura da Profecia de Daniel.

Naqueles dias, disse Daniel a Nabucodonosor: 31“Tu, ó rei, olhavas, e pareceu-te ver uma estátua grande, muito alta, erguida à tua frente, de aspecto aterrador. 32A cabeça da estátua era de ouro fino, peito e braços eram de prata, ventre e coxas, de bronze; 33sendo as pernas de ferro, e os pés, parte de ferro e parte de barro. 34Estavas olhando, quando uma pedra, sem ser empurrada por ninguém, se desprendeu de algum lugar, e veio bater na estátua, em seus pés de ferro e barro, fazendo-os em pedaços; 35então, a um só tempo, despedaçaram-se ferro, barro, bronze, prata e ouro, tudo ficando como a palha miúda das eiras, no verão, que o vento varre sem deixar vestígios; mas a pedra que atingira a estátua transformou-se num grande monte e encheu toda a terra.

36Este foi o sonho; vou dar também a interpretação, ó rei, em tua presença. 37Tu

és um grande rei, e o Deus do céu te deu a realeza, o poder, a autoridade e a glória; 38ele entregou em tuas mãos os filhos dos homens, os animais do campo e as aves do céu, onde quer que habitem, e te constituiu senhor de todos eles: tu és a cabeça de ouro. 39Depois de ti, surgirá outro reino, que é inferior ao teu, e ainda um terceiro, que será de bronze, e dominará toda a terra. 40O quarto reino será forte como ferro; e assim como o ferro tudo esmaga e domina, do mesmo modo, à semelhança do ferro, ele esmagará e destruirá todos aqueles reinos. 41Viste os pés e dedos dos pés, parte de barro e parte de ferro, porque o reino será dividido; terá a força do ferro, conforme viste o ferro misturado com barro cozido. 42Viste também que os dedos dos pés eram parte de ferro e parte de barro, porque o reino em parte será sólido e em parte quebradiço.

43Quanto ao ferro misturado com barro cozido, haverá decerto ligações por via de casamentos, mas sem coesão entre as partes, assim como o ferro não faz liga com o barro. 44No

tempo desses reinos, o Deus do céu suscitará um reino que nunca será destruído, um reino que não passará a outro povo; antes, esmagará e aniquilará todos esses reinos, e ele permanecerá para sempre. 45Quanto à pedra que, sem ser tocada por mãos, se desprendeu do monte e despedaçou o barro cozido, o ferro, o bronze, a prata e o ouro, o grande Deus faz saber ao rei o que acontecerá depois, no futuro. O sonho é verdadeiro, e sua interpretação, fiel”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO Dn 3,57-61

— Louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim!

— Louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim!

— Obras do Senhor, bendizei o Senhor!

— Céus do Senhor, bendizei o Senhor!

— Anjos do Senhor, bendizei o Senhor!

— Águas do alto céu, bendizei o Senhor!

— Potências do Senhor, bendizei o Senhor!

EVANGELHO: Lc 21,5-11

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo

Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 5algumas pessoas comentavam a respeito do Templo que era enfeitado com belas pedras e com ofertas votivas. Jesus disse: 6“Vós admirais estas coisas? Dias virão em que não ficará pedra sobre pedra. Tudo será destruído”. 7Mas eles perguntaram: “Mestre, quando acontecerá isto? E qual vai ser o sinal de que estas coisas estão para acontecer?” 8Jesus respondeu: “Cuidado para não serdes enganados, porque muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Sou eu!’ E ainda: ‘O tempo está próximo’. Não sigais essa gente! 9Quando ouvirdes falar de guerras e revoluções, não fiqueis apavorados. É preciso que estas coisas aconteçam primeiro, mas não será logo o fim”. 10E Jesus continuou: “Um povo se levantará contra outro povo, um país atacará outro país. 11Haverá grandes terremotos, fomes e pestes em muitos lugares; acontecerão coisas pavorosas e grandes sinais serão vistos no céu”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

Quem viu a destruição de Jerusalém e do templo teve a impressão de estar no fim do mundo. Por isso, os evangelistas quando falam do fim do mundo usam imagens da destruição da Cidade Santa. Jesus previne os seus discípulos para não se assustarem, nem se deixarem enganar por pregadores que anunciam o fim do mundo. Acontecerão catástrofes naturais sem que isso seja o fim de tudo. Importa manter o autodomínio e estar preparado fazendo o bem. Foi no ano 70 da nossa era que o general Tito, filho do imperador Vespasiano, tendo cercado Jerusalém, iniciou o ataque e a destruiu juntamente com o templo. Não ficou pedra sobre pedra e até hoje nunca mais o templo foi reconstruído. Em seu lugar os persas muçulmanos construíram uma bela mesquita para honrar a Casa do Senhor. Os cristãos tinham se desinteressado pela esplanada do templo. Cuidavam mais do Santo Sepulcro, obra do imperador Constantino, que também foi destruída.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

A confiança e a esperança são características que precisam ser testemunhadas na vida dos seguidores de Jesus. Peçamos que elas estejam presentes em nosso dia. Deixemo-nos conduzir pelo Senhor e acolhamos a sua Palavra.
Rezemos: “Senhor Jesus Cristo, envia sobre nós, como prometeste, teu Espírito Santo. Que Ele nos conceda a vida e nos ensine a plenitude da verdade. Que nele encontremos a salvação, felicidade e plenitude de amor. Amém.”

Jesus Divino Mestre, dai-nos a graça de escutar e amar a vossa palavra, para que produza fruto em nossos corações. Falai, Senhor, que vosso (a) discípulo (a) vos escuta.

Leitura (Verdade)

“Mestre, quando será, e qual o sinal de que isso está para acontecer?” Essa é a pergunta que os discípulos fazem a Jesus no Evangelho de hoje. Faça a leitura do texto quantas vezes julgar necessário, destacando as palavras que mais se destacam. Quais são as palavras de Jesus? Qual é a preocupação dos discípulos? Qual é a mensagem central do Evangelho?

“O Templo de Jerusalém era símbolo da herança religiosa de Israel. Com o passar do tempo, tornou-se instrumento de ostentação e poder. Pela terceira vez, Jesus prediz a destruição do faustoso Templo de Jerusalém, construído por Herodes Magno. Isso acabou acontecendo no ano 70. Na resposta, Jesus relaciona o fim de Jerusalém com o fim do mundo. A linguagem apocalíptica é uma das características do fim do ano litúrgico e começo do Advento. Ela não indica o fim, mas um novo começo. As coisas velhas, simbolizadas pelo Templo, pelas leis e tradições, são esgotadas e ultrapassadas. O novo começa com a Ressurreição e permanecerá para sempre. Nós somos as pedras vivas do templo de Deus. Nós somos a Igreja.”

Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim? Leia novamente o Evangelho e identifique o caminho que Jesus lhe indica.
O evangelista Lucas nos narra a preocupação dos discípulos com relação ao fim dos tempos: “Quando vão acontecer essas coisas? Qual sinal identificará que o fim dos tempos está próximo?” Quantos de nós já nos questionamos como os discípulos? Catástrofes ambientais, guerras… São sinais de que o fim está próximo? O Evangelho é um convite a não ficarmos apavorados ou correndo atrás de sinais e discursos sobre o fim dos tempos. Importante é viver bem o presente, depositando a nossa confiança no Senhor e cultivando valores que não passam e não serão destruídos, como o amor, a misericórdia, a justiça… O futuro pertence a Deus e estamos em suas mãos. Se Cristo é o centro de nossa vida, por que o fim dos tempos nos causa preocupação?
Qual ensinamento Jesus lhe transmite por meio desta Palavra?
Peça ao senhor que lhe ajude a discernir, entre as tantas opiniões e informações de nosso tempo, os caminhos de seu Espírito.

Oração (Vida)

Momento de oração. Agradeça a riqueza da Palavra de Deus e os ensinamentos escondidos em cada palavra. Agradeça os convites, apelos, desafios que o Senhor o(a) convida a viver neste dia.
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Neste momento de oração, coloque-se diante de Deus e reze com todo o seu ser. Ele está com você e deseja escutar a sua voz. Apresente-lhe sua vida e a vida de seus irmãos e irmãs.
Conclua com a oração: “Jesus Mestre, agradeço as luzes que me destes nesta meditação. Perdoai-me pelos limites que me impediram de fazê-la melhor. Ofereço-vos a resolução que tomei e que espero viver, pela vossa graça. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

Meditar a frase: “Cuidado para não serdes enganados, porque muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Sou eu!’”. O que a Palavra o(a) convida a viver neste dia?

Bênção

O Senhor, Deus de amor e paz, habite em vossos corações, oriente os vossos passos e confirme os vossos corações em seu amor. Que essa benção desça sobre você, sua família, seus trabalhos e suas decisões.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !