Liturgia diária, A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos - Mt 9,32-38

PRECISO MUITO TE AJUDA !
Divida desse mês é de R$ 514,00 (referente a mensalidade do servidor do site) Data para acertar o pagamento: 17/06
Valor arrecadado: R$ 104,89
FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR
PIX CHAVE EMAIL: doacao@catequizar.com.br
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

14ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

11 de julho de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Pai, faze-me compassivo diante do sofrimento de tantos irmãos e irmãs, movendo-me a ser, efetivamente, solidário com eles.

PRIMEIRA LEITURA:  Gn 32,23-33

Leitura do Livro do Gênesis

Naqueles dias, 23Jacó levantou-se ainda de noite, tomou suas duas mulheres, as duas escravas e os onze filhos e passou o vau do Jaboc. 24Depois de tê-los ajudado a passar a torrente, e atravessar tudo o que lhe pertencia, Jacó ficou só. E eis que um homem se pôs a lutar com ele até o raiar da aurora.
26Vendo que não podia vencê-lo, este tocou-lhe o nervo da coxa e logo o tendão da coxa de Jacó se deslocou, enquanto lutava com ele. 27O homem disse a Jacó: “Larga-me, pois já surge a aurora”. Mas Jacó respondeu: “Não te largarei, se não me abençoares”. 28O homem perguntou-lhe: “Qual é o teu nome?” Respondeu: “Jacó”. 29Ele lhe disse: “De modo algum te chamarás Jacó, mas Israel; porque lutaste com Deus e com os homens, e venceste”. 30Perguntou-
-lhe Jacó: “Dize-me, por favor, o teu nome”. Ele respondeu: “Por que perguntas-me o meu nome?” E ali mesmo o abençoou. 31Jacó deu a esse lugar

o nome de Fanuel, dizendo: “Vi Deus face a face e tive poupada a minha vida”.
32Surgiu o sol quando ele atravessava Fanuel; e ia mancando por causa da coxa. 33Por isso os filhos de Israel não comem até hoje o nervo da articulação da coxa, pois Jacó foi ferido nesse nervo.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 16

         Verei, justificado, vossa face, ó Senhor!
— Verei, justificado, vossa face, ó Senhor!

— Ó Senhor, ouvi a minha justa causa, escutai-me e atendei o meu clamor! Inclinai o vosso ouvido à minha prece, pois não existe falsidade nos meus lábios.

— De vossa face é que me venha o julgamento, pois vossos olhos sabem ver o que é justo. Provai meu coração durante a noite, visitai-o, examinai-o pelo fogo, mas em mim não achareis iniquidade.

— Eu vos chamo, ó meu Deus, porque me ouvis, inclinai o vosso ouvido e escutai-me! Mostrai-me vosso amor maravilhoso, vós que salvais e libertais do inimigo quem procura a proteção junto de vós.

— Protegei-me qual dos olhos a pupila e guardai-me, à

proteção de vossas asas. Mas eu verei, justificado, a vossa face e ao despertar me saciará vossa presença.

EVANGELHO: Mt 9,32-38

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, 32apresentaram a Jesus um homem mudo, que estava possuído pelo demônio. 33Quando o demônio foi expulso, o mudo começou a falar. As multidões ficaram admiradas e diziam: “Nunca se viu coisa igual em Israel”. 34Os fariseus, porém, diziam: “É pelo chefe dos demônios que ele expulsa os demônios”.
35Jesus percorria todas as cidades e povoados, ensinando em suas sinagogas, pregando o Evangelho do Reino, e curando todo tipo de doença e enfermidade. 36Vendo Jesus as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam cansadas e abatidas, como ovelhas que não têm pastor. Então disse a seus discípulos: 37“A messe é grande, mas os trabalhadores são poucos. 38Pedi pois ao dono da messe que envie

trabalhadores para a sua colheita!”

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Pessoas caridosas levam um possesso mudo até Jesus. Jesus o cura e ele começa a falar. Se você tem algum sentimento humano em seu coração, você vai ficar feliz vendo o mudo falar. Afinal, é o que importa. Os fariseus não se alegram, desfazem a obra de Jesus e desfazem da pessoa de Jesus, dizendo que tem parte com o demônio. Eles não se alegram com o bem do outro e se fecham na sua rejeição da pessoa de Jesus. Se não são capazes de perceber quem é Jesus, não podem ser capazes de perceber o mudo que agora fala. Jesus, como sempre, revela seu coração de bom pastor, cheio de compaixão pelo povo cansado e abatido que o procurava. E espera ter seguidores, homens e mulheres de boa vontade e bom coração, que sintam o cansaço e o abatimento do povo e queiram trabalhar por ele. Hoje é festa de São Bento. Expulsemos com ele o demônio, rezando: “A Cruz Sagrada seja minha luz, não seja o Dragão meu guia; retira-te, satanás, nunca me aconselhes coisas vãs; é mau o que me ofereces, bebe tu mesmo o teu veneno”.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Iniciemos a nossa oração com a Palavra, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! Peçamos ao Senhor Jesus Cristo que nos dê um coração simples para compreender a riqueza de ensinamentos escondida em sua Palavra. “Envia teu Espírito Santo, Senhor, para que não tenhamos medo de escutar tua Palavra e vivê-la conforme a tua vontade. Que a Palavra transforme o nosso coração, por meio da fé e confiança que depositamos em ti. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? Faça a leitura do Evangelho pausadamente, quantas vezes julgar necessário, e destaque os verbos e os personagens que mais lhe chamaram atenção, repetindo-os em voz alta. Depois, atente-se à reação do povo diante da cura do possesso, para melhor compreender o texto, e observe o modo como Jesus vê a multidão. Quem é Jesus segundo o texto? O que o Evangelho de hoje nos apresenta?

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? O povo fica admirado com o que Jesus faz. Que parte do Evangelho mais o(a) tocou? De que modo Jesus lhe chama atenção neste texto? O povo exclamou: “Nunca se viu coisa igual em Israel”. Leia o Evangelho novamente, deixe-se tocar pela Palavra de Jesus e procure escutá-lo por meio dela.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? A oração é o momento de encontro com o Deus de amor e misericórdia. Coloque-se na presença do Senhor sem medo e faça a sua oração, entregando-lhe tudo que você é e tem. Se desejar, reze também um Salmo.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? O que o Senhor o(a) convida a viver neste dia?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

[apss_share]