Oração diária Olha! Tua mãe e teus irmãos estão lá fora

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Mt 12,46-50

Somos da mesma família espiritual de Jesus Cristo porque decidimos procurar fazer sempre a vontade do Pai, que está nos céus.

Façamos a oração do dia: Pai, reforça os laços que me ligam aos meus irmãos e irmãs de fé, de forma a testemunhar que formamos uma grande família, cujo pai és tu.

16ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 20 de julho de 2021

PRIMEIRA LEITURA: Ex 14,21-15,1  

Leitura do Livro do Êxodo.

Naqueles dias, 14,21Moisés estendeu a mão sobre o mar, e durante toda a noite o Senhor fez soprar sobre o mar um vento leste muito forte; e as águas se dividiram. 22Então, os filhos de Israel entraram pelo meio do mar a pé enxuto, enquanto as águas formavam como que uma muralha à direita e à esquerda. 23Os egípcios puseram-se a persegui-los, e todos os cavalos do Faraó, carros e cavaleiros os seguiram mar adentro. 24Ora, de madrugada, o Senhor lançou um olhar, desde a coluna de fogo e da nuvem, sobre as tropas egípcias e as pôs em pânico. 

25Bloqueou as rodas dos seus carros, de modo que só a muito custo podiam avançar. Disseram, então, os egípcios: “Fujamos de Israel! Pois o Senhor combate a favor deles, contra nós”. 26O

Senhor disse a Moisés: “Estende a mão sobre o mar, para que as águas se voltem contra os egípcios, seus carros e cavaleiros”. 27Moisés estendeu a mão sobre o mar e, ao romper da manhã, o mar voltou ao seu leito normal, enquanto os egípcios, em fuga, corriam ao encontro das águas, e o Senhor os mergulhou no meio das ondas. 

28As águas voltaram e cobriram carros, cavaleiros e todo o exército do Faraó, que tinha entrado no mar em perseguição de Israel. Não escapou um só. 29Os filhos de Israel, ao contrário, tinham passado a pé enxuto pelo meio do mar, cujas águas lhes formavam uma muralha à direita e à esquerda. 30Naquele dia, o Senhor livrou Israel da mão dos egípcios, e Israel viu os egípcios mortos nas praias do mar, 31e a mão poderosa do Senhor agir contra eles. O povo temeu o Senhor, e teve fé no Senhor e em Moisés, seu servo. 15,1Então, Moisés e os filhos de Israel cantaram ao Senhor este cântico:

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO Ex 15,8-10 

Ao Senhor quero cantar, pois fez brilhar a sua glória!

— Ao Senhor quero cantar, pois fez brilhar a sua glória!

— Ao soprar a vossa ira amontoaram-se as águas, levantaram-se as ondas e formaram uma muralha, e imóveis se fizeram, em meio ao mar, as grandes vagas.

— O inimigo tinha dito: “Hei de segui-los e alcançá-los! Repartirei seus despojos e minh’alma saciarei; arrancarei da minha espada e minha mão os matará!”

— Mas soprou o vosso vento, e o mar os recobriu; afundaram como chumbo entre as águas agitadas. Estendestes vossa mão, e a terra os devorou.

— Vós, Senhor, o levareis e o plantareis em vosso Monte, no lugar que preparastes para a vossa habitação, no Santuário construído pelas vossas próprias mãos.

EVANGELHO: Mt 12,46-50

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 46enquanto Jesus estava falando às multidões, sua mãe e seus irmãos ficaram do lado de fora, procurando falar com ele. 47Alguém

disse a Jesus: “Olha! Tua mãe e teus irmãos estão aí fora, e querem falar contigo”. 48Jesus perguntou àquele que tinha falado: “Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?” 49E, estendendo a mão para os discípulos, Jesus disse: “Eis minha mãe e meus irmãos. 50Pois todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

Parentesco carnal e parentesco espiritual. Somos da mesma família carnal porque nascemos uns dos outros em gerações sucessivas. Somos da mesma família espiritual de Jesus Cristo porque decidimos procurar fazer sempre a vontade do Pai, que está nos céus. São familiares de Jesus todos aqueles que fazem a vontade do Pai, que está nos céus. São Mateus nos dá algumas indicações sobre a vontade do Pai.

No Pai-Nosso dizemos: “Seja feita a vossa vontade”; no fim do Sermão da Montanha ouvimos: “Entrará no céu aquele que pratica a vontade do meu Pai, que está nos céus”, e não quem diz: “Senhor, Senhor”; na parábola dos dois filhos, fez a vontade do Pai o que disse: “Não” e foi trabalhar e não o que disse: “Sim” e não foi; Jesus diz que não é da vontade do Pai que os pequeninos se percam; na agonia, no Getsêmani, rezou: “Seja feita a tua vontade”.

Para saber qual é a vontade de Deus em nossa vida, precisamos do dom do discernimento. Aos filipenses, São Paulo indica como caminho para o discernimento da vontade de Deus permitir que o amor que está em nós se expanda em sensibilidade e conhecimento. E aos romanos, para saber qual é a vontade de Deus, o que lhe agrada, não podemos ser mundanos e devemos deixar que o Espírito Santo transforme o nosso espírito.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

“Todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe”. Neste novo dia, o Evangelho nos convida a refletir sobre a relação familiar que é estabelecida entre Jesus e aqueles que acolhem sua Palavra.

Rezemos, pedindo a abertura de nosso coração: “Ó Espírito Santo, dai-nos um coração grande, aberto à vossa silenciosa e forte palavra inspiradora; fechado a todas as ambições mesquinhas, alheio a qualquer desprezível competição humana. Um coração grande, desejoso de se tornar semelhante ao Coração do Senhor Jesus!”

Leitura (Verdade)

Procure compreender o contexto deste Evangelho. O que Jesus comunica aos seus discípulos e a nós? Quem são considerados os irmãos e a mãe de Jesus? Que apelos a Palavra me faz?

“A partir de certo momento, Jesus se afasta progressivamente de sua família. O gesto de deixar Nazaré e fixar-se em Cafarnaum dá mostras disso. O clã familiar era importante na mentalidade judaica. Jesus não rompe com ele, mas afasta-se progressivamente. Mateus salienta que a família de Jesus, a partir de agora, é formada pelos discípulos, isto é, pela comunidade que o segue. São eles que assimilam os ensinamentos de Jesus para levá-los aos outros; são eles que trilham o caminho da vontade do Pai, isto é, obediência radical à proposta de Jesus. Desse modo, tem início uma nova geração, diferente da geração má dos fariseus. A presença da mãe de Jesus indica a nova postura de Maria: a mãe torna-se discípula do seu filho.” 

Meditação (Caminho)

Quando Jesus começou a sua missão, convocou homens e mulheres para fazer parte de uma nova família, não mais ligada por laços de parentesco. Nela, o que importava era ‘ouvir a palavra e colocá-la em prática’, ser discípulo de Jesus e colaborar para difundir o Evangelho. Observamos que o termo irmão, na linguagem bíblica, abrange os parentes.

Eu estou próximo de Jesus, ouço sua palavra, seus ensinamentos, contemplo o que ele faz em favor da multidão? É preciso se aproximar, entrar no ‘círculo’ de Jesus, se aproximar e se deixar envolver por sua palavra, para poder fazer a experiência de família de Jesus.

Oração (Vida)

Ofereça ao Senhor os frutos da sua oração, da sua meditação e da contemplação da Palavra. Apresente também o desejo que brotou em seu coração e peça a graça de vivê-lo durante o dia. Reze: “Senhor Jesus, que meus pensamentos se inspirem no Evangelho e se tornem fonte de vossa luz a iluminar meus irmãos. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

A Palavra deste dia falou ao seu coração, tocou sua vida? Guarde tudo o que o Senhor, por meio da Palavra, o(a) chama a viver neste dia.

Bênção

O Senhor Jesus Cristo esteja ao meu lado para me sustentar,
Dentro de mim para me encorajar,
Diante de mim para me orientar,
Atrás de mim para me proteger,
Acima de mim para me abençoar.
Ele que vive e reina pelos séculos dos séculos. Amém.
Que a bênção de Deus Pai de amor e bondade desça sobre mim e sobre toda a humanidade, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !