Liturgia diária, Vou para aquele que me enviou... - Jo 16,5-11

Na liturgia diária de hoje lemos o Evangelho: Jo 16,5-11

O papel do discípulo é o de acolher, e nunca o de condenar. É o Espírito que opera em tudo e em todos. Ele é capaz de transformar nossa vida.

Façamos a oração do dia: Pai, concede-me o Espírito que me dá forças para enfrentar e vencer o mundo, e manter-me fiel a teu Filho Jesus.

6ª Semana da Páscoa – Ano Litúrgico B

Liturgia do dia 11 de maio de 2021

PRIMEIRA LEITURA:  At 16,22-34

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, 22a multidão dos filipenses levantou-se contra Paulo e Silas; e os magistrados, depois de lhes rasgarem as vestes, mandaram açoitar os dois com varas. 23Depois de açoitá-los bastante, lançaram-nos na prisão, ordenando ao carcereiro que os guardasse com toda a segurança. 24Ao receber essa ordem, o carcereiro levou-os para o fundo da prisão e prendeu os pés deles no tronco.

25À meia-noite, Paulo e Silas estavam rezando e cantando hinos a Deus. Os outros prisioneiros os escutavam. 26De repente, houve um terremoto tão violento que sacudiu os alicerces da prisão. Todas as portas se abriram e as correntes de todos se soltaram. 27O carcereiro acordou e viu as portas da prisão abertas. Pensando que os prisioneiros tivessem fugido, puxou da espada e estava para suicidar-se. 28Mas

Paulo gritou com voz forte: “Não te faças mal algum! Nós estamos todos aqui”.

29Então o carcereiro pediu tochas, correu para dentro e, tremendo, caiu aos pés de Paulo e Silas. 30Conduzindo-os para fora, perguntou: “Senhores, que devo fazer para ser salvo?” 31Paulo e Silas responderam: “Crê no Senhor Jesus, e sereis salvos tu e todos os de tua família”.

32Então Paulo e Silas anunciaram a Palavra do Senhor ao carcereiro e a todos os da sua família. 33Na mesma hora da noite, o carcereiro levou-os consigo para lavar as feridas causadas pelos açoites. E, imediatamente, foi batizado junto com todos os seus familiares. 34Depois fez Paulo e Silas subirem até sua casa, preparou-lhes um jantar e alegrou-se com todos os seus familiares por ter acreditado em Deus.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

SALMO 138(137)

— Ó Senhor, me estendeis o vosso braço e me ajudais.

— Ó Senhor, me estendeis o vosso braço e me ajudais.

— Ó Senhor, de coração eu vos dou graças, porque ouvistes as palavras dos meus lábios! Perante os vossos anjos vou cantar-vos e ante o vosso templo vou prostrar-me.

— Eu

agradeço vosso amor, vossa verdade, porque fizestes muito mais que prometestes; naquele dia em que gritei, vós me escutastes e aumentastes o vigor da minha alma.

— Estendereis o vosso braço em meu auxílio e havereis de me salvar com vossa destra. Completai em mim a obra começada; ó Senhor, vossa bondade é para sempre! Eu vos peço: não deixeis inacabada esta obra que fizeram vossas mãos!

EVANGELHO: Jo 16,5-11

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 5“Agora, parto para aquele que me enviou, e nenhum de vós me pergunta: ‘Para onde vais?’ 6Mas, porque vos disse isto, a tristeza encheu os vossos corações. 7No entanto, eu vos digo a verdade: É bom para vós que eu parta; se eu não for, não virá até vós o Defensor; mas, se eu me for, eu vo-lo mandarei. 8E quando vier, ele demonstrará ao mundo em que consistem o pecado, a justiça e o julgamento: 9o

pecado, porque não acreditaram em mim; 10a justiça, porque vou para o Pai, de modo que não mais me vereis; 11e o julgamento, porque o chefe deste mundo já está condenado”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

COMENTÁRIO DO EVANGELHO

O Catecismo Católico, ao comentar o pedido que fazemos na recitação do Pai-Nosso: “livrai-nos do mal”, diz que, “neste pedido, o Mal não é uma abstração, mas designa uma pessoa, Satanás, o Maligno, o anjo que se opõe a Deus. O diabo é aquele que se atira no meio do plano de Deus e de sua obra de salvação realizada em Cristo”. E continua mais adiante: “A vitória sobre o príncipe deste mundo foi alcançada, de uma vez por todas, na hora em que Jesus se entregou livremente à morte para nos dar sua vida. É o julgamento deste mundo, e o príncipe deste mundo é lançado fora”.

Lemos no Evangelho de João que o chefe, príncipe, deste mundo já está condenado ou julgado. Um pouco antes, falando da sua morte, Jesus já tinha dito: “É agora o julgamento deste mundo, agora o príncipe deste mundo será lançado fora”. Terminando a longa conversa na ceia, antes de ir para o Getsêmani, Jesus ainda diz: “Já não conversarei muito, pois o príncipe do mundo vem; contra mim, ele nada pode”. Segundo o Livro de Jó, ele é alguém que nos provoca com a permissão de Deus. Ele testa a nossa firmeza e perseverança. É o pai inspirador das perseguições. Continua agindo, mas já foi julgado.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2021’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial

No início de nossa leitura orante, peçamos ao Espírito Santo a graça de compreender o mistério da vida de Cristo que a Palavra hoje nos apresenta.

“Senhor Jesus, dá-me um coração simples para compreender a riqueza de ensinamentos escondida em tua Palavra. Envia teu Espírito Santo para que eu não tenha medo de escutá-la e vivê-la conforme a tua vontade. Que a Palavra transforme o meu coração através da fé e confiança que eu deposito em ti. Amém.”

Leitura (Verdade)

O que diz o texto bíblico? Quais as palavras de Jesus na despedida com seus discípulos? Que sentimentos essas palavras provocaram nos discípulos, e por quê?

“O texto de João adota uma postura jurídica. O Espírito assume o papel de advogado de defesa. Jesus é declarado inocente, e o Advogado passa a questionar o mundo e seu representante. O Príncipe deste mundo é aquele que acusa os irmãos. O pecado do mundo é não ter acreditado em Jesus. Quanto a Jesus, ele é inocentado, justiça lhe seja feita, e ele retorna ao Pai, enquanto o inimigo é definitivamente condenado. O Espírito é o Defensor, o diabo é o acusador dos irmãos. À luz dessas realidades, é possível ver onde realmente estamos. O papel do discípulo é o de acolher, e nunca o de condenar. No irmão há sempre mais coisas positivas do que negativas. É o Espírito que opera em tudo e em todos. Ele é capaz de transformar nossa vida.” 

Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim hoje? Que caminho o Evangelho de hoje me aponta? O que o Senhor pede para mim hoje? Como está minha fé na pessoa de Jesus?

Medite a Palavra de Deus e deixe que ela se torne vida em sua vida. Releia o texto, caso sinta necessidade.

Oração (Vida)

O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? O que você deseja dizer ao Senhor neste momento? A oração é um momento em que nos colocamos diante de Deus e pedimos vida nova, apresentamos a Ele o que desejamos, as realidades que queremos que Ele transforme. Reze ao Senhor sem medo, converse com Ele.

Contemplação (Vida e Missão)

Sintetize em poucas palavras o apelo que você sentiu em seu coração, para colocá-lo em prática durante o dia. O que você se propõe viver?

Bênção

Deus Pai do céu te abençoe e te cuide
Que Ele esteja na tua frente para te mostrar o caminho correto.
Atrás de ti para te sustentar em todos os desafios
Acima de ti para te proteger contra os perigos que vem do alto
Que Deus esteja em teu coração como chama ardente, e que a luz dele ilumine tua vida e te aqueça para a virtude.
Que Ele te cerque por todos os lados e não permita que te afastes dele. Amém.

Confira a Homilia dominical.Clique aqui

AJUDE A MANTER O SITE NO AR !

Nosso site tem uma divida mensal e a cada dia está mais difícil manter o site no ar. Doe qualquer valor e você ira muito ajudar na manutenção e permanência do site no ar ! O seu gesto de amor ajudara muitos catequistas que visitam nosso site

FAÇA UMA DOAÇÃO DE QUALQUER VALOR

PIX CHAVE CPF: 16800472808
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

ou

PIX CHAVE EMAIL: [email protected]
RESPONSAVEL: Anderson Roberto Fuzatto

Deus te abençoe !