Oração diária A filha de Jairo

PRECISAMOS MUITO DE SUA AJUDA

Estimados irmãos venho aqui pedir a sua ajuda se possível for. Estamos fechando o mês e não vou conseguir pagar a mensalidade da divida do site referente ao servidor onde o site fica hospedado. Pra complicar minha situação tenho pai acamado. Diante das dificuldades que todos estamos passando compreendo o qto esta difícil para todos, mas se vc tiver a possibilidade de AJUDAR COM UMA DOAÇÃO sera de muita ajuda para diminuir as dividas. .Clique aqui para Doar

Liturgia diária

14ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

06 de julho de 2020

ORAÇÃO DO DIA

Pai, que minha resposta imediata aos apelos de meus semelhantes manifeste a veracidade do que proclamo por meio de palavras.

PRIMEIRA LEITURA: Os 2,16.17b-18.21-22

Leitura da Profecia de Oséias – Assim fala o Senhor: 16Eis que eu a vou seduzir, levando-a à solidão, onde lhe falarei ao coração; 17be ela aí responderá ao compromisso, como nos dias de sua juventude, nos dias da sua vinda da terra do Egito.
18Acontecerá nesse dia, diz o Senhor, que ela me chamará ‘Meu marido’, e não mais chamará ‘Meu Baal’. 21Eu te desposarei para sempre; eu te desposarei conforme as sanções da justiça e conforme as práticas da misericórdia. 22Eu te desposarei para manter fidelidade e tu conhecerás o Senhor.
– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 144

 — Misericórdia e piedade é o Senhor.
— Misericórdia e piedade é o Senhor.

— Todos os dias haverei de bendizer-vos, hei de louvar o vosso nome para sempre. Grande é o Senhor e muito digno de louvores, e ninguém pode medir sua grandeza.

— Uma idade conta à outra vossas obras e publica os vossos feitos poderosos; proclamam todos o esplendor de vossa glória e divulgam vossas obras portentosas!

— Narram todos vossas obras poderosas, e de vossa imensidade todos falam. Eles recordam vosso amor tão grandioso e exaltam, ó Senhor, vossa justiça.

— Misericórdia e piedade é o Senhor, ele é amor, é paciência, é compaixão. O Senhor é muito bom para com todos, sua ternura abraça toda criatura

EVANGELHO: Mt 9,18-26

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

18Enquanto Jesus estava falando, um chefe aproximou-se, inclinou-se profundamente diante dele, e disse: “Minha filha acaba de morrer. Mas vem, impõe tua mão sobre ela e ela viverá”.
19Jesus levantou-se e o seguiu, junto com os seus discípulos. 20Nisto, uma mulher que sofria de hemorragia há doze anos veio por trás dele e tocou a barra de seu manto. 21Ela pensava consigo: “Se eu conseguir ao menos tocar no manto dele, ficarei curada”. 22Jesus voltou-se e, ao vê-la, disse: “Coragem, filha! A tua fé te salvou”. E a mulher ficou curada a partir daquele instante.
23Chegando à casa do chefe, Jesus viu os tocadores de flauta e a multidão alvoroçada, 24e disse: “Retirai-vos, porque a menina não morreu, mas está dormindo”. E começaram a caçoar dele. 25Quando a multidão foi afastada, Jesus entrou, tomou a menina pela mão, e ela se levantou. 26Essa notícia espalhou-se por toda aquela região.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Quando este “chefe” se aproxima de Jesus, prostra-se humildemente diante dele e diz: “Minha filha faleceu agora mesmo; mas vem impor a mão sobre ela, e viverá”, ele realmente demonstra muita fé. Ele acredita que Jesus pode devolver sua filha à vida. É um chefe e, nesta hora, sabe se prostrar. Será preciso uma dor tão grande para dobrar a cerviz de quem é “chefe”? A mulher com hemorragia também é curada pela sua fé. “A tua fé te salvou”. Naquele momento ela foi salva, e o sinal da salvação foi a recuperação da saúde. Que alguém nos cure, que nos ajude a recuperar a vida que perdemos de maneiras diferenciadas, são desejos que brotam espontaneamente de nosso coração. Aqui aconteceu e acontece de vez em quando, mas não acontece sempre de alguém nos ajudar. Mais uma vez é preciso contar com o socorro da fé. “O Senhor é meu Pastor, nada me faltará”, e me falta tanta coisa! “Venha a fé por suplemento os sentidos completar.”

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! “Vinde, Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai, Senhor, o vosso Espírito, e tudo será criado, e renovareis a face da terra. Oremos: Senhor, nosso Deus, que pela luz do Espírito Santo instruístes o coração dos vossos fiéis, fazei-nos dóceis ao mesmo Espírito, para apreciarmos o que é justo e nos alegrarmos sempre com a sua presença. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.”

Leitura (Verdade)
Faça a leitura do Evangelho e destaque os pontos que mais lhe chamaram atenção, repetindo-os em voz alta. Quais são as duas curas realizadas por Jesus? Como acontecem? Quais elementos têm em comum? Qual é a mensagem central do texto?

“A situação que se apresenta é mais grave do que a do Centurião que pediu que Jesus curasse seu empregado. A fé é maior, pois a filha havia morrido. O chefe acredita que mesmo a morte está sob a autoridade de Jesus. No caso da mulher, a hemorragia a tornava em estado permanente de impureza. As duas curas de Jesus privilegiam a discrição. O ato de salvação é um fato privado, não um espetáculo público. Ambos os casos sinalizam a autoridade de Jesus e um tempo novo que se está iniciando. É indicativo que Jesus tenha segurado a mão da menina. É um gesto de ternura, que ele reserva para cada um dos seus filhos e filhas. Pelo sacramento da Reconciliação, Jesus nos toma pela mão, discretamente, e restitui a plenitude da vida.” (Viver a Palavra – 2020. Frei Aldo Colombo – Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
Mantenha em mente o significado do Evangelho, retome-o e coloque-se à disposição para escutar o que o Senhor quer lhe dizer por meio dele. Este é o momento de meditação da Palavra, no qual você é convidado(a) a escutar o Senhor e a permitir que sua Palavra se misture com a sua vida.

Oração (Vida)
Agradeça tudo o que a Palavra lhe permitiu compreender e vivenciar do mistério de Cristo. Apresente ainda ao Senhor a oração que brotou em seu coração durante a leitura orante.

Conclua com a oração ao Espírito Santo, do papa Paulo VI: “Ó Espírito Santo! Dai-me um coração grande, aberto à vossa silenciosa e forte palavra inspiradora; fechado a todas as ambições mesquinhas, alheio a qualquer desprezível competição humana, compenetrado do sentido da Santa Igreja! Um coração grande, desejoso de se tornar semelhante ao Coração do Senhor Jesus. Um coração grande e forte, para amar a todos, para servir a todos, para sofrer por todos. Um coração grande e forte, para superar todas as provações, todo tédio, todo cansaço, toda ofensa, toda desilusão. Um coração grande e forte e constante até o sacrifício, quando for necessário. Um coração cuja felicidade é palpitar com o coração de Cristo e cumprir humilde e fielmente a vontade do Pai. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? De que forma você deseja colocar em prática os apelos que a Palavra de Deus lhe revelou neste dia?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Ir. Carmen Maria Pulga

Confira a Homilia dominical.Clique aqui

[apss_share]