Liturgia diaria

ORAÇÃO DO DIA

Pai, que a compreensão de teu sábio plano de salvação para a humanidade me leve a estar atento às palavras de Jesus, o qual me indica o caminho para chegar a ti.

Invoquemos a presença do Espírito Santo para ler e refletir a liturgia diária:

Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Oremos

Deus que instruístes os corações dos vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos sempre da sua consolação. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.

PRIMEIRA LEITURA: Rm 3,21-30

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos – Irmãos, 21agora, sem depender do regime da Lei, a justiça de Deus se manifestou, atestada pela Lei e pelos Profetas; 22justiça de Deus essa, que se realiza mediante a fé em Jesus Cristo, para todos os que têm a fé. Pois diante desta justiça não há distinção: 23todos pecaram e estão privados da glória de Deus, 24e a justificação se dá gratuitamente, por sua graça, em virtude da redenção rea­lizada em Jesus Cristo.
25Deus destinou Jesus Cristo a ser, por seu próprio sangue, instrumento de expiação mediante a realidade da fé. Assim Deus mostrou sua justiça em ter deixado sem castigo os pecados cometidos outrora, 26no tempo de sua tolerância. Assim ainda ele demonstra sua justiça no tempo presente, para ser ele mesmo justo, e tornar justo aquele que vive a partir da fé em Jesus.
27Onde estaria, então, o direito de alguém se gloriar? — Foi excluído. Por qual lei? Pela lei das obras? — Absolutamente não, mas, sim, pela lei da fé. 28Com efeito, julgamos que o homem é justificado pela fé, sem a prática da Lei judaica. 29Acaso Deus é só dos judeus? Não é também Deus dos pagãos? Sim, é também Deus dos pagãos. 30Pois Deus é um só. – Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 129

— No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!
— No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

— Das profundezas eu clamo a vós, Senhor, escutai a minha voz! Vossos ouvidos estejam bem atentos ao clamor da minha prece!

— Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir? Mas em vós se encontra o perdão, eu vos temo e em vós espero.

— No Senhor ponho a minha esperança, espero em sua palavra. A minh’alma espera no Senhor mais que o vigia pela aurora.

EVANGELHO: Lc 11,47-54

        – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, disse o Senhor: 47“Ai de vós, porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram. 48Com isso, vós sois testemunhas e aprovais as obras de vossos pais, pois eles mataram os profetas e vós construís os túmulos.
49É por isso que a sabedoria de Deus afirmou: Eu lhes enviarei profetas e apóstolos, e eles matarão e perseguirão alguns deles, 50a fim de que se peçam contas a esta geração do sangue de todos os profetas, derramado desde a criação do mundo, 51desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o santuário. Sim, eu vos digo: serão pedidas contas disso a esta geração. 52Ai de vós, mestres da Lei, porque tomastes a chave da ciência. Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar”.
53Quando Jesus saiu daí, os mestres da Lei e os fariseus começaram a tratá-lo mal, e a provocá-lo sobre muitos pontos. 54Armavam ciladas, para pegá-lo de surpresa, por qualquer palavra que saísse de sua boca.

– Palavra da salvação.
– Glória a vós, Senhor.

Comentário do Evangelho

Os “homens de Deus”
Continua a crítica, quase uma lamentação introduzida pela fórmula “ai de vós”, aos fariseus e aos doutores da Lei. Os profetas eram tidos como “homens de Deus”. A dificuldade e a resistência de aceitar e acolher sua mensagem e reconhecer nela a Palavra de Deus têm uma longa e dramática história em Israel. Os profetas, homens portadores da Palavra de Deus, que falavam inspirados por Deus, suscitavam a esperança, denunciavam os crimes e infidelidades do povo e de seus governantes, quando esses se esqueciam da Aliança, e, também, os pecados das “nações” quando essas ameaçavam a existência do povo eleito de Deus. Eles foram perseguidos por seu próprio povo. Há uma postura diante das Escrituras que faz dos doutores da Lei intérpretes autorizados da Palavra de Deus, coniventes com a morte dos profetas. A pretensão de possuir todo o conhecimento da Escritura os impede de escutar a Deus. Mas se Jesus fala dos profetas do passado, ele aponta, ao mesmo tempo, para o seu próprio destino, pois, como profeta, ele terá a sorte dos profetas.
Pe. Carlos Alberto Contieri, sj

LEITURA ORANTE

Saudação
– A nós todos, a paz de Deus, nosso Pai,
a graça e a alegria de Nosso Senhor Jesus Cristo,
no amor e na comunhão do Espírito Santo.
– Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo!
Preparo-me para a Leitura, rezando:
Jesus Mestre, que dissestes:
“Onde dois ou mais estiverem reunidos em meu nome,
eu aí estarei no meio deles”,
ficai conosco,
aqui reunidos (pela grande rede da internet),
para melhor meditar
e comungar com a vossa Palavra.
Sois o Mestre e a Verdade:
iluminai-nos, para que melhor compreendamos
as Sagradas Escrituras.
Sois o Guia e o Caminho:
fazei-nos dóceis ao vosso seguimento.
Sois a Vida:
transformai nosso coração em terra boa,
onde a Palavra de Deus produza frutos
abundantes de santidade e missão.
(Bv. Alberione)

1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente o texto: Lc 11,47-54, e observo atentamente este discurso de Jesus.

Jesus continua a dizer “ai de vocês!” Lamenta que os fariseus fazem túmulos para os profetas que seus antepassados mataram. Jesus diz ainda que eles manipulam a “sabedoria”, o que pode entender, a compreensão da Escritura. Os letrados se arrogam o monopólio da compreensão das Escrituras. E Jesus é criticado com raiva pelos mestres da Lei e os fariseus por causa desta verdade que ele tem coragem de dizer.

2. Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim, hoje?
Hoje também há profetas e apóstolos. Como os acolho?
Como são acolhidos pela sociedade, pela comunidade?
Há hoje pessoas que manipulam a verdade? E eu sou coerente com a verdade?

3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo com o PE. Zezinho, scj, na sua canção
A Verdade Vos Libertará
A Verdade vos libertará. libertará
A verdade vos libertará, libertará
Não temais os que matam o corpo
Não temais os que armam ciladas
Não temais os que vos caluniam
Nem aqueles que portam espadas
Não temais os que tudo deturpam
pra não ver a justiça vencer
Tende medo somente do medo
De quem mente pra sobreviver
Tende medo somente do medo
De quem mente pra sobreviver
A Verdade vos libertará. libertará
A verdade vos libertará, libertará
Não temais os que vos ameaçam
Com a morte ou com difamação
Não temais os poderes que passam –
Eles tremem de armas na mão
Não temais os que ditam as regras
Na certeza de nunca perder
Tende medo somente do medo
De quem cala ou finge não ver
Tende medo somente do medo
De quem cala ou finge não ver
A Verdade vos libertará. libertará
A verdade vos libertará, libertará
Não temais os que gritam nas praças
Que está tudo perfeito e correto
Não temais os que afirmam de graça
Que vós nada trazeis de concreto
Não temais o papel de profetas
Que o papel do profeta é falar
Tende medo somente do medo
De quem acha melhor não cantar
Tende medo somente do medo
De quem acha melhor não cantar
A Verdade vos libertará. libertará
A verdade vos libertará, libertará

4.Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
Vou olhar o mundo e a vida com os olhos de Deus. Não me permitirei falsificar a verdade, mascará-la ou diminuí-la.
Bênção
– Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
-Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
– Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.